RedmiBook 13, o enésimo MacBook Killer | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia RedmiBook 13, o enésimo MacBook Killer | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notebooks, Ultrabooks e Conversíveis | RedmiBook 13, o enésimo MacBook Killer

RedmiBook 13, o enésimo MacBook Killer

Compartilhe

O ano de 2019 está chegando ao fim, e a Xiaomi não para de lançar produtos. Dessa vez, a empresa anuncia a chegada ao mundo do RedmiBook 13, que carrega dentro de si os processadores Intel de décima geração e Windows 10.

Para variar, o novo notebook conta com um design mais que inspirado nos computadores portáteis da Apple (seria uma imensa surpresa se fosse diferente nesse aspecto), e como já é comum ver nos produtos da Xiaomi, o RedmiBook 13 também se destaca pela sua espetacular relação custo-benefício entre qualidade de materiais de construção, configurações técnicas e preços sugerido (nesse caso, a partir de 540 euros).

 

 

RedmiBook 13: Principais Características

 

 

O novo RedmiBook 13 reduz a sua diagonal de tela de 14 para 13.3 polegadas, reduzindo a borda inferior para 9.96 mm de espessura. Essas mudanças entregam como consequência uma tela espetacular, que consegue aproveitar 89% do espaço disponível. Suas dimensões são: 307.34 x 195.58 x 17.78 mm e o seu peso é de apenas 1.23 kg.

Eu nem preciso dizer que o RedmiBook 13 nasceu para fazer a alegria daqueles que precisam ser mais produtivos em qualquer lugar, já que “mobilidade” é o seu sobrenome. Mas é preciso conferir as demais especificações técnicas para descobrir se ele pode ser realmente funcional e prático para as suas jornadas diárias.

 

 

No seu interior, encontramos a combinação de um processador Intel Core i5-10210U, trabalhando com 8 GB de RAM e 512 GB de SSD, o que deve garantir um comportamento mais que funcional para o Windows 10 e os programas mais comuns entre os estudantes, usuários domésticos e profissionais de diferentes segmentos. Porém, muitos de nós gostaríamos de ver pelo menos 16 GB de RAM nesse notebook, algo que não está disponível (infelizmente). Nos modelos mais completos, vamos encontrar também a placa gráfica NVIDIA GeForce MX250 de 2 GB GDDR5, além da gráfica integrada pela Intel.

Outros detalhes que podem surpreender (negativamente) são a ausência de portas USB-C (ele opta por duas portas USB-A 3.1 padrão) e um conector de carga proprietário. Sua bateria de 40 Wh oferece uma autonomia de até 11 horas de uso, mas sem estimar qual o comportamento que o usuário deve ter com esse equipamento (imagino que seja pelo menos com um uso moderado).

 

 

É mesmo um MacBook Killer?

 

 

O RedmiBook 13 pode valer a pena para os usuários menos exigentes na potência, já que estamos falando de um processador da linha mais básica da série Intel Core de décima geração (Série U). Quem depende de um computador leve e potente o suficiente para realizar as tarefas mais convencionais pode se dar bem com ele.

Porém, o RedmiBook 13 só pode ser considerado um MacBook Killer no preço mesmo. Usuários de notebooks Apple não devem abrir mão da experiência do macOS apenas e tão somente por causa dos fatores econômicos. Mesmo assim, vale a pena saber que temos produtos que custam bem menos que o dispositivo da marca da maçã mordida.

O RedmiBook 13 está disponível na China, e seu preço depende das configurações de hardware:

RedmiBook 13 (i5 10º Gen + 8GB + 512GB SSD): 540 euros
RedmiBook 13 (i5 10º Gen + 8GB + 512GB SSD + GeForce MX250): 580 euros
RedmiBook 13 (i7 10º Gen + 8GB + 512GB SSD + GeForce MX250): 670 euros

 

 

 

Via GSMArena


Compartilhe