Press "Enter" to skip to content
Você está em | Home | Smartphones | Redmi 13C 5G | 5 motivos para comprar

Redmi 13C 5G | 5 motivos para comprar

Compartilhe

O Redmi 13C 5G é uma das novidades no mercado brasileiro de smartphones de linha média. O modelo tem um interessante potencial de tirar o sono de Samsung e Motorola por aqui, e seu preço mais convidativo chama a atenção dos usuários.

Por ser um telefone da Xiaomi, ele naturalmente atrai os holofotes dos fãs de tecnologia e dos leitores deste blog. Por isso, é justo mostrar quais são os cinco principias argumentos que justificam o investimento nele.

Então, estou aqui para fazer aquele trabalho sujo de sempre, mostrando quais são esses pontos positivos do Redmi 13C 5G.

 

MediaTek Dimensiy 6100+

É esse o elemento que entrega ao Redmi 13C a compatibilidade com as redes de quinta geração.

O processador MediaTek Dimensity 6100+ possui um processo de fabricação de 6 nanômetros, e é consideravelmente melhor que o MediaTek Helio G85 presente no Redmi 13C com 4G.

Ou seja, o Redmi 13C 5G não é apenas melhor na conectividade com as redes móveis, mas também é melhor no desempenho bruto, para aquelas tarefas mais pesadas, entregando uma maior fluidez para os usuários mais exigentes.

Tudo bem, ele não é um smartphone gaming. Mas ao menos você terá menores dores de cabeça para fazer o básico.

 

Armazenamento mais rápido

Outro diferencial relevante do Redmi 13C 5G em relação ao seu equivalente com 4G está no padrão do armazenamento interno.

A versão com 4G recebe as memórias no padrão eMMC 5.1, que está muito defasado em performance quando comparado com o padrão UFS 2.2 do Redmi 13C 5G.

Agora, combine este aspecto com o já mencionado melhor desempenho do processador, e o Redmi 13C 5G possui uma diferença substancial na experiência de uso em um sentido mais amplo.

A relação custo-benefício fecha melhor no modelo com 5G neste caso.

 

Tela com taxa de atualização de 90 Hz

A Xiaomi segue uma tendência de mercado, que está adotando uma frequência maior na taxa de atualização de tela nos modelos intermediários base.

O Redmi 13C 5G conta com uma tela com taxa de atualização de 90 Hz, o que representa uma fluidez ainda maior para o sistema operacional, reprodução de vídeos e alguns jogos casuais.

Se o HyperOS é uma interpretação do Android mais leve que a MIUI 14, a usabilidade do telefone vai se beneficiar deste aspecto de forma direta.

Lembrando sempre que o caríssimo iPhone 15 possui uma tela melhor, mas com taxa de atualização de 60 Hz, o que é uma vergonha para a Apple.

 

Vai receber o HyperOS

O HyperOS é a nova versão da customização do Android da Xiaomi, substituindo a MIUI em vários modelos compatíveis dentro do seu portfólio de produtos.

A boa notícia para os futuros compradores do Redmi 13C 5G é que este modelo que desembarca ao Brasil vai receber o HyperOS no futuro, o que garante a presença dessa nova proposta de software da Xiaomi no dispositivo.

Não há previsão para essa atualização de software acontecer, mas ter a garantia de que o dispositivo é compatível com o novo software é um importante diferencial a ser considerado.

 

Uma alternativa à Samsung e Motorola

O Redmi 13C 5G chegou ao mercado brasileiro por R$ 1.999, o que posiciona o dispositivo como concorrente de alguns dos principais smartphones que Samsung e Motorola lançaram no primeiro trimestre de 2024.

Considerando o fato que muitos usuários brasileiros já preferem os telefones da Xiaomi, o dispositivo possui um interessante potencial em bagunçar o mercado de linha média.

A tendência é que o dispositivo receba uma natural redução de preço (por parte da Xiaomi Brasil e com os descontos dos e-commerces), o que deve fazer dele um dos telefones mais procurados entre os brasileiros.


Compartilhe