Compartilhe

Em 2017, a empresa especializada em câmeras de cinema profissionais Red anunciou o Red Hydrogen, smartphone que não apenas buscava ser um dos máximos expoentes na fotografia, mas também era chamativo por causa de sua tela holográfica.

Porém, o promissor projeto não vingou, e seu fundador, Jim Jannard, anunciou o seu cancelamento. Uma publicação através do fórum da empresa revelou o triste destino do smartphone. E o motivo para esse cancelamento foi a saúde de Jannard, que tem 70 anos e por 45 deles trabalhou na empresa que ele mesmo criou, e sua saúde prejudicada fez com que ele encerrasse o projeto Hydrogen.

Assim, também acaba uma carreira que incluiu também projetos de sucesso como a RED Digital e a Oakley.

 

 

Um smartphone com muitos obstáculos

 

 

O Red Hydrogen foi anunciado como um smartphone modular que poderia receber diferentes elementos para prolongar a sua vida útil, mas isso não aconteceu. Ele foi apresentado em julho de 2017, com previsão de lançamento para agosto de 2018, com adiamento para setembro do mesmo ano. As primeiras unidades chegaram ao mercado em outubro de 2018, mas a sua recepção não foi das melhores.

Seu preço de lançamento de US$ 1.295 caiu pela metade recentemente. O dispositivo contava com uma tela QHD de 5.7 polegadas, câmera fupla de 8 MP e processador Snapdragon 835. Seu principal destaque era a reprodução de conteúdo holográfico, no melhor estilo da tela do Nintendo 3DS, exibindo os conteúdos tridimensionais dispensando a necessidade de um óculos.

O Red Hydrogen One não funcionou. Vários veículos criticavam o smartphone, alegando que a holografia era exibida de forma borrosa, seu processador era velho e, em alguns casos, o telefone era considerado “o pior produto tecnológico de 2018”.

Em março de 2019, a empresa estava trabalhando em uma versão Pro do produto, com câmeras melhores e menor preço, e em julho o Red Hydrogen Two teve o seu desenvolvimento anunciado. Agora, sabemos que esse segundo modelo não vai chegar ao mercado.

Os clientes que compraram o Red Hydrogen One vão receber suporte para os seus produtos, mas não sabemos se os mesmos vão receber atualizações maiores. A Red vai seguir funcionando sob a liderança do seu atual presidente, Jarred Land.

 

Via The Verge


Compartilhe