Realme Buds Air Neo entrega 17 horas de reprodução

Compartilhe

Todo mundo quer um fone Bluetooth sem fio True Wireless para chamar de seu, pois a Apple ensinou a todo um setor que este é um acessório que pode entregar uma enorme receita e lucro. E essa é a explicação mais básica para justificar a existência do Realme Buds Air Neo.

A Realme foi a última a apostar nesse segmento, mas faz isso de forma singular e chamativa. Seu design não se diferencia de outros modelos já disponíveis do mercado (aka altamente inspirado no Apple AirPods), com quatro opções de cores e algumas singularidades que podem chamar a atenção de alguns usuários.

 

 

 

Não é apenas mais um AirPods wannabe… ou será que é?

 

 

A Realme aposta nos seus próprios chips, já que o Realme Buds Air Neo recebem o novo Realme R1 integrado na sua placa-mãe, que promete entregar um canal dual rápido e estável entre os fones e o smartphone ou o dispositivo com o qual ele quer se emparelhar.

 

 

Com isso, a sua latência é de apenas 119,2 milissegundos, através de um modo de Super Baixa Latência que pode ser ativada em jogos ou vídeos, reduzindo o dessincronizar do som e da imagem. Porém, também é possível acionar esse modo apenas para ouvir música, reduzindo a latência do dispositivo em até 51%, o que deve reduzir também a autonomia de bateria dos fones.

 

 

Os novos fones de ouvido True Wireless Realme Buds Air Neo também são compatíveis com o Google Fast Pair, o que ajuda a encontrar rapidamente os fones no momento em que você abre o case de armazenamento/recarga. Esse case não tem recarga de bateria sem fio, já que usa um cabo microUSB para a tarefa (infelizmente). Sua capacidade de bateria não foi revelada (nem dos fones, nem do case), mas a Realme fala em até 17 horas de reprodução para a combinação de ambos.

 

 

São fones com superfície touch com controle por gestos, como um toque duplo para atender uma chamada ou pausar a música, três toques para avançar a canção, pressionar e soltar um único auricular para recusar as chamadas e pressionar e soltar os dois auriculares ao mesmo tempo para ativar o modo de Super Baixa Latência. Os gestos podem ser personalizados a partir do aplicativo Realme Link.

 

 

Sobre a sua qualidade de som (nominal, pois qualidade é algo subjetivo, e pode variar de pessoa para pessoa), o Realme Buds Air Neo conta com um woofer de 13 milímetros e tecnologia DMM (Dynamic Bass Boost). Possui um alcance de frequências entre 20 e 20.000 Hz e são compatíveis com o Bluetooth 5.0 a uma distância máxima de 10 metros. Os fones contam com um peso individual de 4.1 gramas e contam com proteção contra água (IPX4), o que garante aquela volta para casa debaixo de chuva, ou suportar o seu suor durante os exercícios físicos.

 

 

O Realme Buds Air Neo tem preço sugerido de 36 euros (já convertidos), e não tem previsão de lançamento para o Brasil. Sem saber maiores detalhes técnicos sobre o dispositivo, fica realmente difícil dizer se ele pode ser um competidor de peso para os fones de ouvido sem fio da Xiaomi ou da Redmi.

Mas ao menos a Realme está oferecendo a sua alternativa.

 

 

Via Realme


Compartilhe