Compartilhe

Ao longo da tarde de ontem (2), a plataforma do Gooogle Cloud sofreu vários problemas, caindo por completo para muitos usuários ao redor do mundo. Muito provavelmente alguns de vocês nem sentiram que os serviços do Google ficaram fora do ar ou apresentaram anormalidades, mas a verdade é que todo mundo foi afetado de alguma forma. Sem exceção.

Foram cinco horas onde vários apps e serviços deixaram de funcionar: YouTube, Gmail, GSuite, Analytics e vários outros recursos do Google ficaram inoperantes. Mas não foi só isso: aplicativos que aparentemente não tem nada a ver com o Google também foram afetados, como por exemplo o Discord e o Snapchat, pois ambos são clientes do Google Cloud, e utilizam a plataforma do Google para oferecer os seus serviços.

Agora, os serviços aparentemente voltaram a funcionar com normalidade. Mas é preciso refletir sobre o que aconteceu.

 

 

Estamos mais dependentes de serviços centralizados na internet

 

É um cenário de caos. Se você era alguém que estava trabalhando (o meu caso), ou apenas assistindo a vídeos no YouTube ou limpando a sua caixa de e-mails. Não importa. Muita gente que não tem nada em comum foi afetada do mesmo jeito.

Esse é o real perigo de depender da nuvem, especialmente se você depende de um único serviço. Muito provavelmente a maioria desses afetados não se deram conta que tiveram o mesmo problema, ou que tudo isso estava conectado ao mesmo site. É algo que agora estão se dando conta em como é, mas da pior forma possível.

Vale lembrar que o Google está preparando um serviço de videogames na nuvem, o Stadia. Os jogos serão reproduzidos em servidores externos, e você poderá jogar em qualquer dispositivo. Porém, quando a nuvem do Google cair, nós ficaremo sem jogos, já que o nosso sistema não vai fazer o download de nenhum arquivo, e tudo será executado online.

É claro que é raro ver o Google Cloud caindo dessa forma. Mas a cada vez que isso acontece, todos os internautas se lembram que dependem de serviços centralizados, e descobrem o que acontece quando esses serviços falham.

E quando esses serviços voltam, seguem assistindo vídeos de pegadinhas estúpidas na internet, se esquecendo do que aconteceu.

Até o próximo cenário de caos.


Compartilhe