TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Quando instalar uma atualização no smartphone? E quando é melhor esperar? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Quando instalar uma atualização no smartphone? E quando é melhor esperar?

Quando instalar uma atualização no smartphone? E quando é melhor esperar?

Compartilhe

As atualizações são uma parte essencial do nosso smartphone e de qualquer outro dispositivo informático que utilizamos todos os dias. É esse o procedimento que entrega novos recursos, melhorias de funcionalidades e uma maior estabilidade do sistema operacional.

Porém, nem todas as atualizações recebem o mesmo peso. Em algumas situações, precisamos adotar a estratégia do “é melhor esperar” para receber a nova versão do software. Caso contrário, você pode se deparar com vários inconvenientes e alguns problemas pontuais.

Em alguns casos, a pressa pode ser inimiga da perfeição, e instalar rapidamente uma atualização de software pode resultar em problemas diversos no smartphone. Logo, é importante prestar atenção para saber quando vale a pena instalar o update ou quando é melhor esperar para evitar as dores de cabeça que eventualmente podem aparecer.

 

Atualizar ou não o smartphone: eis a questão

O normal é pensar que uma atualização de um sistema operacional vai entregar uma série de novidades e melhorias para o nosso smartphone. E esse pensamento é válido para a grande maioria dos casos. Aliás, eu sigo recomendando que você sempre procure atualizar o seu dispositivo o quanto antes possível.

Mas… preste atenção no que eu escrevi: “o quanto antes possível”. Isso não quer dizer que necessariamente você tem que instalar a nova versão o mais rápido possível. Não é a mesma coisa, obviamente.

Em algumas ocasiões, essa atualização chega com algumas falhas que podem lastrar a experiência de uso com o software, prejudicando de forma sensível o desempenho do dispositivo. Diante desse cenário, a única solução que resta em alguns casos é voltar para a versão anterior ou esperar uma atualização menor que corrige os eventuais problemas que vão aparecer.

Aqui, o simples ato de esperar para ver como a atualização se comporta com outros usuários pode evitar que você perca esse tempo com procedimentos corretivos, ou até mesmo consegue preservar o bom desempenho do smartphone com a versão sem a atualização de software. Logo, considere ter isso em mente antes de aplicar o update no seu dispositivo.

Os problemas de desempenho que aparecem no smartphone após uma atualização do sistema operacional estão relacionados com todo o dispositivo, e não apenas com a eventual lentidão na hora de executar algumas tarefas. Ou seja, você pode perder algumas funções que são básicas para o bom funcionamento do dispositivo, dependendo do cenário que você vai encontrar.

Lags de resposta na tela ao toque ou consumo de bateria desproporcional são apenas alguns dos problemas mais comuns que os usuários encontram nos dispositivos após o processo de atualização do sistema operacional. E isso é algo recorrente e até “normal”, apesar de concordar com a ideia que tais efeitos colaterais jamais deveriam acontecer depois de meses de testes com este tipo de software.

As falhas de uma nova versão problemática de um sistema operacional podem se transformar em enormes dores de cabeça para qualquer usuário. E ter que lidar com isso é algo que basicamente ninguém quer passar.

Por isso, é muito importante segurar a pressa e a ansiedade. Verificar antes quais são as opiniões de outros usuários que atualizaram o smartphone antes que você pode ser fundamental para poupar a perda de tempo e, em alguns casos, até mesmo a perda de dinheiro para lidar com esse tipo de anormalidade. Digo isso porque não são poucos os usuários que atendi para reverter a instalação de uma atualização que trouxe problemas para telefones e computadores.

Para aqueles que contam com um pouco mais de tempo e dedicação para essa tarefa, vale muito a pena fazer aquela bela pesquisa nas redes sociais ou visitar os fóruns especializados (incluindo o Reddit) para analisar as diversas avaliações que outros usuários publicam para ter uma ideia sobre como está a experiência de uso com o novo software e, dessa forma, ter mais elementos para tomar uma decisão mais assertiva.

Por isso, é altamente recomendado atualizar o smartphone apenas quando o novo software oferecer correções ou melhorias significativas ao dispositivo, incluindo muitas mudanças, novidades, correções e melhorias de segurança. E, ainda assim, antes de executar o procedimento, consulte as notas disponíveis com o novo software para descobrir tudo o que ele inclui dentro desse update, só para evitar surpresas desagradáveis.

 

Qual é o intervalo correto para aplicar as atualizações?

Diante de tudo o que foi exposto, é normal que essa pergunta apareça. E, de novo, a melhor resposta neste caso é: observe o que outros usuários estão falando sobre a atualização antes de realizar a instalação desse software.

É claro que outros pontos devem ser analisados antes de você tomar a melhor decisão para você sobre a melhor janela de atualização do sistema operacional do seu dispositivo. Primeiro, é preciso saber de forma antecipada qual é a periodicidade das atualizações de sistema estabelecida pelo fabricante do seu dispositivo, e essa regra pode variar de marca para marca.

Em teoria, cada fabricante de smartphones Android tem a obrigação em fornecer uma atualização de correção e segurança mensal e uma grande atualização da versão principal do sistema operacional, que é anual. O que pode variar aqui é o limite estabelecido por cada fabricante para entregar updates para um dispositivo em específico.

Além disso, cada fabricante pode enviar suas próprias atualizações de software em janelas alternadas ou diferentes das obrigatórias, mas certamente não são updates dos mais importantes e, de forma eventual, você pode deixar de lado esses pequenos pedações de software. Ou instalar todos de uma vez na grande atualização de software que (essa sim) você é obrigado a instalar.

Agora, se o seu smartphone está em perfeito estado de funcionamento e existe uma atualização pendente de instalação, talvez não seja conveniente seguir adiante com o procedimento, principalmente se você descobrir que as mudanças que serão aplicadas são mínimas. Até porque existe a possibilidade dessas pequenas mudanças simplesmente arruinarem a boa experiência de uso que você está aproveitando com o telefone neste momento.

Por isso, o mais conveniente e racional neste caso é sempre consultar as notas que acompanham o software e, dependendo do seu dispositivo ou do cenário de funcionamento que você vive, atualizar o software a cada dois meses, ou quando uma versão específica para o seu dispositivo estiver disponível.

Na dúvida, sempre consulte o feedback de outros usuários para tomar uma decisão mais adequada para o seu caso.


Compartilhe