Press "Enter" to skip to content
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Quando comprar um smartphone é melhor que alugar

Quando comprar um smartphone é melhor que alugar

Compartilhe

Dinheiro não dá em árvore, e está cada vez mais difícil conseguir a grana para colocar comida na mesa e pagar as contas. Mesmo assim, eu e você queremos um smartphone novo para as nossas atividades pessoais, ou simplesmente para mostrar para amigos e familiares que nossa vida está ótima.

Uma das práticas mais recentes para atender aos anseios de alguns usuários mais consumistas é a do aluguel do smartphone. Algo que pode valer a pena em casos muito específicos.

Porém, existem aqueles que defendem que comprar um telefone tem a mesma relevância que comprar uma casa ou apartamento, e a regra do “alugar é jogar dinheiro fora” seria a mesma para os dois casos.

A partir de agora, vou advogar a favor da compra do smartphone, e onde essa decisão é melhor do que o aluguel do dispositivo.

 

Por que comprar um smartphone é melhor do que alugar

Não existe nada melhor do que ter o dinheiro suficiente para escolher o telefone que deseja, passar no caixa, pagar com o cartão de crédito preferido e ir embora para casa.

Neste caso, observe as opções de compra disponíveis, já que adquirir o telefone pela operadora pode fazer com que as parcelas sejam diluídas na fatura do plano, e esse custo pode ser menor do que o valor pago pelo aluguel do dispositivo.

O mesmo vale para o parcelamento com ou sem juros, desde que você não deixe a fatura do cartão de crédito ou o crediário atrasar.

O mundo perfeito pede a compra do telefone à vista, principalmente para quem trabalha por conta própria e usa o dispositivo na sua atividade profissional. Em um cenário incerto, o mais certo é ter a certeza de que aquele investimento não vai cobrar juros depois.

Mas o argumento que mais pesa a favor da compra de um smartphone é o simples fato do telefone ser seu, principalmente quando o pagamento está concluído por completo, tanto para a compra à vista como após o pagamento de todas as parcelas.

Desse modo, o telefone é a sua propriedade. E você pode fazer o que quiser com ele, incluindo vender a qualquer momento em caso de necessidade, ou doar o dispositivo para outra pessoa quando você compra um telefone novo para substituir o antigo.

Eu sei o que você está pensando: se você quer um novo smartphone, terá que vender o antigo para levantar parte do capital e iniciar um novo ciclo. Mas pelo menos você não começa do zero, e a grana da venda pode ajudar como investimento inicial no novo telefone.

E se você quiser expandir a garantia de fábrica com a contratação de um seguro adicional, você conta com uma maior flexibilidade para contratar ou não esse serviço, sem ter a obrigatoriedade estabelecida por contrato para os telefones que são alugados.

 

Em resumo: vale a pena comprar um smartphone se…

  • Você não está interessado em pagar o resto da vida por uma despesa fixa mensal que pode ser eliminada ao pagar pelo produto de uma única vez.
  • Quando você tem certeza de qual telefone você precisa agora e para os próximos anos.
  • Quando você está interessado em obter o telefone mais barato possível para as tarefas do dia a dia mais essenciais.

Compartilhe