Prime Day vs Black Friday: quando fazer as suas compras? | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Prime Day vs Black Friday: quando fazer as suas compras? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas de Compras | Prime Day vs Black Friday: quando fazer as suas compras?

Prime Day vs Black Friday: quando fazer as suas compras?

Compartilhe

A pergunta é pertinente, principalmente em tempos de crise e com a cotação do dólar tão maluca e flutuante. E muita gente está se perguntando se vale a pena aproveitar o Amazon Prime Day da semana que vem, ou se é melhor esperar a Black Friday, que acontece no final de novembro.

Vamos refletir um pouco sobre este tema.

 

 

 

Você precisa pensar na dinâmica da vida

 

 

Para começar… 2020.

O ano que mudou tudo também afetou a janela de realização do Prime Day, que normalmente acontece em julho, mas que foi transferido este ano para os dias 13 e 14 de outubro, uma vez que a Amazon entendeu que as coisas estariam um pouco mais calmas e favoráveis nesse período.

Na prática, o Prime Day vai ser um “início não oficial” para o período de compras natalinas. E isso vai fazer ainda mais pressão nas demais varejistas, que serão obrigadas a oferecer descontos realmente competitivos na Black Friday e na Cyber Monday. Sem falar que a crise do ano de 2020 vai obrigar marcas e lojas a oferecerem descontos de verdade, e não aquele nefasto “tudo pela metade do dobro”.

Não sabemos se o e-commerce brasileiro vai responder ao Prime Day da Amazon de forma direta. Porém, outra coisa que fica mais ou menos clara nesse novo normal é que muitos consumidores não vão esperar pela Black Friday, pois temem ser enganados de novo pelas promoções nefastas. E não descarto a possibilidade de uma Americanas ou um Magazine Luiza oferecer “do nada” produtos com preços incríveis na semana que vem.

 

 

 

Meu conselho: se achar um bom preço agora, compre

 

 

Não estou falando para você ser consumista, mas sim para pensar de forma racional e inteligente (faz um esforço, isso é possível).

As cadeias de fornecimento ainda sentem os efeitos das paralizações ocorridas ao redor do mundo, e novos envios de produtos muito procurados ainda estão em uma velocidade mais lenta. E as vendas online estão no auge, o que complica ainda mais a equação.

Logo, se você quer garantir o item que você deseja (inclusive para as festas de final de ano), quanto antes você adquirir o produto desejado, menores são as chances de sofrer de uma falta de fornecimento nos itens de alta demanda, como eletrônicos, computadores, equipamentos de home office, games e outros.

As lojas estão se antecipando ao aumento no volume de vendas. Por isso, alguns dos descontos mais importantes podem ser melhores no Prime Day do que na Black Friday ou Cyber Monday, pois os inventários de alguns itens podem ser ainda menores, e a lei da oferta/procura tende a ser ainda mais implacável no maluco ano de 2020.

O preço do arroz é o melhor exemplo que eu posso dar sobre a lei de oferta/procura nesse momento.

É claro que muito provavelmente teremos ótimas ofertas na Black Friday e na Cyber Monday. Porém, se você entender que o produto que você quer está em um preço aceitável, faça a compra, pois você pode ficar sem ele no futuro. Sem falar nos já tradicionais atrasos nos envios dos produtos.

Tudo bem, a Black Friday ainda tem um enorme valor para os clientes (por conta dos descontos oferecidos). Mas não será surpresa alguma ver ofertas de Black Friday no Prime Day. E você precisa ficar atento a isso.


Compartilhe