Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notícias | Preço da RAM deve despencar em 2019 (é uma previsão)

Preço da RAM deve despencar em 2019 (é uma previsão)

Compartilhe

Entre 2017 e 2018, os contratos de fornecimento de memória RAM se encareceram de forma considerável, por conta da alta demanda do mercado. Isso fez com que o preço dos módulos praticamente dobrassem de valor.

Some isso ao encarecimento das placas gráficas por causa da alta demanda gerada pela bolha das cripto moedas, e montar um novo PC (ou atualizar o atual PC) se transformou em uma missão hercúlia, exceto para os poucos que estavam dispostos a pagar os altos preços impostos pelo mercado.

Com a bolha das cripto moedas estourada, os preços das placas gráficas foram se normalizando. Mas os preços da RAM seguiram subindo até o final de 2018. Aos poucos, o custo dos contratos de fornecimento foram diminuindo a ponto de chegar a níveis mais razoáveis. E some isso ao elevado estoque dos gigantes do setor e uma queda considerável na demanda permitiu que os preços de venda começassem a se normalizar.

Era sabido que os preços dos contratos de fornecimento de DRAM iam seguir caindo ao longo de 2019, mas de acordo com as últimas previsão da DRAMeXchange, a guerra comercial entre Estados Unidos e China complicou a situação ao ponto que essa queda será maior do que a esperada. De forma simples: os preços vão desabar, e isso vai afetar o valor final dos módulos de memória RAM.

Nas suas previsões iniciais, a DRAMeXchange esperava uma queda de 5% durante o terceiro trimestre de 2019, e uma queda entre 2% e 5% durante o quarto trimestre desse ano. Agora, os valores de queda foram elevados para 15% e 10%, respectivamente.

Se essas quedas acabarem se confirmando (e isso é o mais provável de acontecer), o preço da memória RAM vai ficar em um nível muito acessível, algo que, combinado com as últimas reduções de preços das placas gráficas das gerações anteriores, vai permitir aos usuários a montagem de PCs potentes e mais econômicos.


Compartilhe