Por que você precisa ativar o modo avião durante um voo? | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Por que você precisa ativar o modo avião durante um voo? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Por que você precisa ativar o modo avião durante um voo?

Por que você precisa ativar o modo avião durante um voo?

Compartilhe

Todo voo comercial pede para você ativar o modo avião em smartphones e dispositivos eletrônicos durante as decolagens e aterrizagens. Se você aceita a decisão e obedece ao pedido, mas sempre se questionou o que poderia acontecer se você decide não obedecer, esse post é para você.

#SPOILER: existe uma razão para isso acontecer.

 

 

O que diz a norma

Cada continente tem a sua regra, e cada legislação de cada país diz alguma coisa. E, por incrível que pareça, não é a legislação a causa da problemática. As companhias aéreas pedem para desligar o modo avião, mas algumas delas no Brasil já liberam o WiFi inclusive para oferecer conexão de internet em seus voos, seja para a navegação livre ou para consumo de conteúdo por streaming da própria companhia.

 

 

Um acidente que pode acontecer (ou não)

 

 

Não ativar o modo avião não significa em necessariamente resultar em uma falha de hardware que vai resultar em um acidente. Os smartphones conectados não interferem nem nos sistemas elétricos e nem nas telecomunicações de um avião. O sinal emitido por um smartphone ligado e com conexão não interfere no sistema operacional de um voo ao ponto de provocar um acidente ou a queda do avião.

Então… qual é o problema de verdade em não ativar o modo avião durante o voo?

 

 

O que vai acontecer se você não ativar o modo avião?

 

 

Com o modo avião, você facilita a comunicação clara entre a tripulação do voo e os controladores aéreos, pois é aqui que os sinais de smartphones interferem. Sem sinal de rede, o telefone gera um ruído de até 8W que são percebidos pelos pilotos e controladores aéreos. Não é um som perigoso, mas é bem irritante.

Agora, imagine esse som multiplicado por pelo menos 80x, alcançando como destino os fones de ouvido dos profissionais envolvidos no voo.

O ruído em si não provoca acidentes, mas complica a comunicação, e isso pode resultar em um acidente. O mais curioso disso é que são os próprios membros da tripulação que saltam a norma e até negam que o ruído acaba atrapalhando.

No mesmo sentido, vários fabricantes e operadoras garantem que os smartphones não afetam os voos comerciais, e que o desenvolvimento da tecnologia faz com que tal proibição seja algo do passado, e argumentam que o dispositivo em elevadas altitudes não conseguem estabelecer conexão de dados de rede ou WiFi, dificilmente causando tal irritação.

Talvez porque quem fala isso nunca ficou com o ruído insuportável em seu ouvido durante um voo inteiro. É o mesmo de ouvir uma música ruim em uma viagem de ônibus de 12 horas porque alguém decidiu que o mundo precisa ouvir a música ruim que ele gosta.

Lembrando que a maioria das companhias aéreas brasileiras seguem obrigando os passageiros a ativar o modo avião nos voos. Logo, é de bom tom esperar você tocar o solo para voltar ao mundo conectado.


Compartilhe