TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Por que você NUNCA deve colocar o celular na geladeira | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Por que você NUNCA deve colocar o celular na geladeira

Por que você NUNCA deve colocar o celular na geladeira

Compartilhe

Sinceramente? Eu não faço a menor ideia dos motivos pelos quais levaria você a fazer isso. Mas algo me diz que é importante escrever sobre isso, porque alguém deve fazer em algum momento.

O superaquecimento de um smartphone pode levar um usuário a tomar medidas desesperadas como, por exemplo, colocar o dispositivo dentro da geladeira ou do congelador. E esse é um erro grosseiro que pode ser evitado.

Neste post, quero deixar bem claro sobre o quanto isso é errado, e como é importante conscientizar as pessoas (principalmente os usuários mais leigos) sobre os reais perigos da prática para o seu smartphone.

 

 

 

A geladeira é uma enorme inimiga do smartphone

 

 

E eu não estou sendo metafórico neste subtítulo do artigo.

É sim necessário combater o superaquecimento de um smartphone. Afinal de contas, as elevadas temperaturas podem danificar de forma permanente os componentes internos, inutilizando o dispositivo como um todo.

Por outro lado, se muito calor pode danificar o smartphone, temperaturas muito baixas também resultam em prejuízos aos dispositivos eletrônicos. E os danos podem aparecer basicamente por conta da brusca variação de temperatura que o telefone pode sofrer com essa prática nada recomendável.

Se o corpo humano pode pegar uma gripe com uma brusca variação térmica (algo muito comum quando você sai de um dia de mais de 30 graus para uma noite com temperaturas abaixo dos 10 graus), o smartphone não é muito diferente no seu comportamento.

E essa prática em tentar reduzir a temperatura de um celular com a geladeira não é algo recente. No passado, quando as baterias dos dispositivos poderiam ser removidas de forma simples, muitos usuários colocavam o telefone ou o módulo de energia dentro da geladeira para reduzir o superaquecimento.

Ou seja, a humanidade já errava de forma rude antes da atual geração de usuários de tecnologia.

De forma direta e prática: as baixas temperaturas da geladeira ou do freezer podem danificar de forma permanente e irreversível qualquer elemento interno de um dispositivo eletrônico, seja ele um smartphone, um tablet, um notebook ou qualquer outro.

Além disso, um smartphone na geladeira ficará exposto ao estresse de outros elementos, além de correr o risco de uma grande quantidade de umidade passar pelas entranhas dos conectores. O que é péssimo para a manutenção de uma vida útil mais longa para o dispositivo.

Os efeitos práticos dessa iniciativa? Simples: você não vai poder consertar o smartphone de forma alguma, uma vez que você vai perder a garantia do dispositivo e o fabricante não vai se responsabilizar pela reparação do mesmo. A grande maioria dos fabricantes não cobre danos provocados pela umidade.

 

 

 

Conclusão

 

 

Esqueça essa história de colocar o telefone dentro da geladeira quando ele sofrer de superaquecimento. Aliás, jamais coloque o dispositivo em locais muito frios quando ele passar por esse tipo de situação.

A melhor coisa que você pode fazer neste caso é retirar o case protetor, desligar o smartphone por completo, deixar ele descansar por alguns minutos e esperar pacientemente que o dispositivo volte à temperatura ideal. Outra alternativa é colocar o telefone próximo a um ventilador ou ar condicionado.


Compartilhe