Compartilhe

As atualizações do Windows 10 são bem vindas, mas é mais que recomendado não sair correndo que nem um desesperado para atualizar o computador. Vale a pena esperar um pouco, pois os últimos updates enviados pela Microsoft deram problemas nos computadores.

Nesse post, explicamos por que não é uma boa ideia tentar forçar as atualizações no Windows 10.

A verdade é que a maioria dos usuários não atualiza os seus computadores logo de cara. É uma minoria. Mas essa minoria pode ser milhões de usuários no caso do Windows 10.

Desde 2018, a Microsoft deixa para uma inteligência artificial secionar os equipamentos que terão a melhor experiência com as atualizações. E o sistema (obviamente) não é infalível. Não é uma tarefa fácil selecionar entre 800 milhões de equipamentos com Windows 10, especialmente por causa da variedade de hardware e configurações.

Ao tentar determinar quais equipamentos são os mais aptos para receber uma atualização maior primeiro, alguns modelos não aptos acabam recebendo esse update antes do tempo. E não importa o tempo que a Microsoft gaste na detecção de problemas das atualizações… nunca será tempo o suficiente.

 

 

Por que adiar as atualizações?

 

 

Em alguns momentos, os problemas nas atualizações aparecem antes mesmo da versão final do sistema operacional chegar ao usuário final. E esses problemas são resolvidos pela Microsoft, mas isso leva tempo. E o que a Microsoft faz? Adia as atualizações, bloqueando as mesmas em equipamentos que não são 100% compatíveis e, por causa desse detalhe, você não deveria forçar uma atualização. Inclusive é melhor adiar qualquer update até que a versão mais estável possível fique disponível.

O pior inimigo do Windows 10 até agora é o próprio Windows Update, a ponto da Microsoft oferecer um controle maior para o usuário adiar as atualizações por mais tempo, inclusive no Windows 10 Home, famoso por não oferecer tais opções que estão presentes no Windows 10 Pro.

 

 

Conselho de amigo: não tenha pressa

 

 

O meu conselho é que você adie as atualizações do Windows 10 o máximo possível para evitar problemas e reduzir as chances de ser afetados por eles. Já que até mesmo as atualizações cumulativas estão entregando problemas em alguns equipamentos.

Ou seja, nada de forçar o Windows Update para atualizar o Windows 10 ou buscar ISOs alternativas apenas para receber algumas novidades que, cedo ou tarde, você vai receber no seu computador do mesmo jeito.


Compartilhe