TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Por que trocar o Galaxy S21 pelo Galaxy S22? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Análises e Reviews | Por que trocar o Galaxy S21 pelo Galaxy S22?

Por que trocar o Galaxy S21 pelo Galaxy S22?

Compartilhe

Agora que a nova família de smartphones Galaxy S22 da Samsung é uma realidade, chegou a hora de responder a pergunta de US$ 1 milhão: vale a pena trocar o telefone atual pelo novo?

A resposta pode variar de pessoa para pessoa. Cada um sabe onde o sapato aperta, e a capacidade financeira pode variar, dependendo da atividade que o usuário vai realizar com o dispositivo.

Para oferecer uma visão mais ampla da questão, vamos apresentar nesse post os principais pontos de mudança nos modelos da série Galaxy S22 em comparação aos seus equivalentes da geração anterior. Dessa forma, fica mais fácil descobrir se vale a pena trocar um modelo por outro.

 

 

 

No caso dos novos Galaxy S22 e Galaxy S22+

Para quem gosta de telefones mais compactos, a nova família Galaxy S22 oferece uma boa notícia. Pode não parecer muita coisa, mas 0.1 polegada de tela a menos resulta em um telefone mais compacto e de melhor agarre, e muitas pessoas estão procurando por telefones com essa característica.

A taxa de atualização variável é outro ponto importante, principalmente para quem precisa de uma maior autonomia de bateria ao longo do dia. Isso também passa pelo novo processador, seja ele o Exynos 2200 com GPU AMD, seja o Snapdragon 8 Gen 1.

As câmeras apresentam uma considerável evolução, principalmente no sensor principal de 50 MP (f/18). Todo o conjunto de sensores permite uma maior entrada de luz, o que vai beneficiar o registro de imagens em ambientes com baixa luminosidade e fotos noturnas.

Por fim, a bateria dos dois modelos está menor, mas o novo hardware deve ser competente o suficiente para gerenciar bem a autonomia de uso do dispositivo. Mas só teremos certeza sobre isso quando os novos telefones chegarem nas mãos dos usuários.

 

 

 

No caso do Galaxy S22 Ultra…

Aqui, as mudanças são mais gritantes e justificáveis para uma eventual troca.

O design se aproximou drasticamente da linha Note. Tanto, que os cantos estão mais angulados e a S-Pen está devidamente integrada ao corpo do smartphone. E só por isso esse novo Galaxy S22 Ultra é bem diferente do Galaxy S21 Ultra.

Em função das mudanças, a tela do novo modelo é maior (6.8 polegadas) e com brilho maior (1.750 nits). Por outro lado, um smarpthone maior é menos ergonômico, e você precisa ficar de olho nisso.

Os novos processadores deixam o Galaxy S22 Ultra mais veloz e eficiente para as tarefas de elevada demanda. Aqui, mais uma vez dou destaque para a GPU AMD que trabalha com o chip Exynos 2200. Ela pode fazer a diferença no desempenho e na gestão energética.

Nas câmeras, apesar dos sensores contarem com a mesma resolução da geração anterior, eles contam com um processador de imagem melhor, conseguem obter 23% a mais de iluminação e o modo RAW foi melhorado. Ou seja, um pacote mais que interessante para quem quer registrar fotos profissionais com o Galaxy S22 Ultra.

E a recarga rápida de bateria é aquela que todo mundo deseja, com um carregador de 45W, diferente do modelo base (Galaxy S22), que só é compatível com carregadores de 25W.

 

 

 

Conclusão

No final das contas, a decisão pela troca de um modelo da geração anterior para um dos novos telefones Galaxy S22 é sempre sua. Mas posso dar a minha opinião após apresentar os principais aspectos neste post.

Em termos práticos, todos os modelos lançados no ano passado ainda são ótimos smartphones, e podem ser bem úteis para muita gente e por muitos anos. Ainda mais agora que a Samsung confirmou que esses modelos vão receber até quatro anos de atualizações do Android e cinco anos de updates de segurança.

Os novos Galaxy S22 e Galaxy S22+ não entregam novidades muito gritantes em relação aos seus equivalentes da geração anterior. Neste caso, a troca só se justifica se você realmente faz muita questão do modelo novo no seu bolso. Então, se você tem dinheiro para a troca, faça a troca.

Agora, o Galaxy S22 Ultra é substancialmente diferente em relação ao Galaxy S21 Ultra, e muitos usuários devem se sentir seduzidos em realizar a troca. Eu mesmo penso nessa troca, pois ter a S-Pen integrada, um hardware mais potente e sensores fotográficos melhores chamam a minha atenção. Sem falar no design que é inspirado no Note.

O grande problema do Galaxy S22 Ultra será o seu preço de lançamento, que tem tudo para ser obscenamente elevado. Mas esse problema é facilmente solucionável: basta não ter pressa e esperar o preço cair, já que é isso o que normalmente acontece com qualquer lançamento da Samsung.


Compartilhe