Compartilhe

O novo iPhone será apresentado no dia 13 de outubro, e nos últimos meses alguns vazamentos sobre o produto aconteceram. Ainda não temos dados oficiais, mas uma informação de design chama a atenção de muita gente: a Apple não vai se livrar do notch em seu smartphone tão cedo.

O notch não é uma unanimidade. Muita gente (eu, inclusive) simplesmente odeia aquela porcaria agindo como um câncer estético na tela do smartphone. Outros fabricantes encontraram outras soluções que eliminam a monocelha na tela, mas parece que a gigante de Cupertino vai persistir na proposta.

Para uma empresa que sempre inovou no design, muitos podem considerar a decisão da manutenção do notch no iPhone como uma derrota. Mas tudo tem uma explicação razoável na vida, e nesse post vamos mostrar quais são as possíveis explicações para essa infelicidade acontecer.

 

 

 

Por que o iPhone não consegue se livrar do notch?

 

 

De pois de várias mudanças de design, o iPhone mudou radicalmente a sua proposta no iPhone X lançado em 2017 onde, entre outras coisas, abraçou o notch na tela. E, desde então, tal elemento está no dispositivo, e estará presente no futuro iPhone 12, que deve ter um design geral muito inspirado no iPhone 5.

Agora, há quem diga que o notch vai permanecer no iPhone 13.

Pode não parecer, mas manter o notch no iPhone é uma decisão muito importante para a Apple, pois esse é um elemento estético relevante para muitos usuários. Já são três anos sem mudar esse aspecto, e a manutenção do item acaba sendo algo decepcionante.

Os últimos rumores afirmam que o iPhone 13 mantém o notch, mas que o mesmo será um pouco menor. Mas continua lá, atormentando a visão dos mais puristas. E o único motivo plausível para a Apple não se livrar de vez desse elemento é por conta do espaço ocupado pelos sensores e elementos laser necessários para o Face ID, um grande diferencial de funcionalidade dos smartphones da empresa de Cupertino.

Por outro lado, muita gente espera o leitor de digitais na tela, o que resolve o assunto de uma vez por todas. E nem todos os usuários acham o Face ID algo tão prático para o dia a dia.

Em compensação, o iPhone de 2021 pode ter uma novidade bem interessante: ser o primeiro iPhone a não contar com porta de recarga de bateria, ou seja, usando exclusivamente a recarga sem fio. Mas essa última parte é só um rumor, e precisa de confirmação oficial.

Mas… o fim do notch seria bem vindo. Ajuda aí, Apple!

 

 

Via wccftech


Compartilhe