O Google Pixel 3 XL é um excelente smartphone, um dos melhores de 2018. É um objeto de desejo de muita gente. Logo, é natural que as pessoas queiram saber mais e mais sobre o produto.

Dois temas envolvendo o Google Pixel 3 XL chamam mais a atenção dos seus compradores em potencial nesse primeiro momento. O primeiro é a sua qualidade de construção, que é o foco principal dos vídeos do JerryRigEverything, que normalmente submete os dispositivos mais caros e conhecidos do mundo a todo e qualquer tipo de tortura deliberada.

Porém, o segundo tema é uma peculiaridade: o enorme notch desse dispositivo. O Google Pixel 3 XL tem um entalhe gigante cravado em sua tela, e tal característica chama a atenção a ponto de ser alvo de bullying dos concorrentes.

Esse vídeo do JerryRigEverything não destrói o dispositivo. Apenas desmonta ele, para revelar os detalhes de sua construção interna, o que acaba revelando também por que o notch do Google Pixel 3 XL é desse tamanho (enorme).

O vídeo descreve de forma simples todo o processo de desmontagem, com uma linguagem menos técnica que o iFixit normalmente faz. Entre alguns destaques interessantes desse processo, podemos ver o sistema de recarga Qi na parte traseira, os indicadores de danos por água, o adesivo utilizado para manter a placa traseira e a bateria no seu lugar, assim como as suas duas câmeras frontais.

E é desse último item que podemos falar mais um pouco.

Quando olhamos para o tamanho desses sensores fotográficos, fica bem clara a resposta para a pergunta que não quer calar: por que o Google Pixel 3 XL tem esse notch enorme.

Uma monocelha menor não abrigaria essas duas lentes, por mais que a Google se esforçasse em não fazer isso.

O JerryRigEverything basicamente confirma o que o iFixit revelou recentemente: o Google Pixel 3 XL é bem difícil de ser reparado, de modo que o conselho aqui é que você cuide bem desse dispositivo. Caso contrário, a sua passagem pela assistência técnica pode doer (e muito) para o seu bolso.