TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Por que o MacBook Air M2 de 256 GB tem um SSD mais lento? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notebooks, Ultrabooks e Conversíveis | Por que o MacBook Air M2 de 256 GB tem um SSD mais lento?

Por que o MacBook Air M2 de 256 GB tem um SSD mais lento?

Compartilhe

O MacBook Air 2022 chama a atenção por ser um notebook ultrafino, muito potente e competente. O novo processador M2 tem tudo para se transformar em referência no segmento de computadores ultraportáteis.

Porém, ele esconde um pequeno segredo que não está agradando a muitos consumidores em potencial: a versão com 256 GB de armazenamento conta com um SSD mais lento que o mesmo MacBook Air M2 com 512 GB.

Na verdade, muito mais lento: o modelo com armazenamento menor tem pelo menos a metade do desempenho oferecido pela configuração superior.

A pergunta que fica é: por que isso está acontecendo?

 

 

 

A Apple explica o desempenho pior do SSD de 256 GB

Aqui, diferente dos problemas de termal throttling também presentes no MacBook Air M2, os testes foram realizados pelos veículos especializados, mas a Apple decidiu se manifestar sobre o assunto de forma oficial.

A seguir, o comunicado da Apple publicado no The Verge:

“Esses novos dispositivos usam um novo NAND de alta densidade que oferece 256 GB de armazenamento em um único chip. Embora os benchmarks de SSD de 256 GB possam mostrar uma diferença em comparação com a geração anterior, o desempenho desses sistemas baseados em M2 para atividades do mundo real é ainda mais rápido.”

Mas isso, segundo a Apple, é claro.

Os testes de desempenho mostram exatamente o contrário, e não é comum ver um hardware de uma nova geração apresentar um desempenho pior em um aspecto tão importante como o SSD, que não parou de aumentar a sua velocidade nos últimos anos em todos os outros equipamentos do mercado.

É importante destacar que testes sintéticos não refletem a realidade de desempenho de um dispositivo. Mesmo assim, não é a melhor notícia que um comprador em potencial quer receber.

 

 

 

O impacto é perceptível nas tarefas mais pesadas

Ter um SSD mais rápido não é importante apenas para o desempenho do sistema operacional. É crucial para uma maior agilidade nas tarefas mais pesadas, como a compilação de um software ou em projetos de vídeos com resolução 4K.

Quando trabalhamos com um grande volume de dados, a velocidade da unidade de armazenamento pode ser algo crucial para determinar uma maior agilidade nesses processos. Obviamente, vamos precisar de SSDs com capacidades maiores, o que pode ser uma “justificativa” para deixar o espaço maior mais rápido.

De qualquer forma, a recomendação para evitar esse problema é a mais óbvia do mundo: se você quer um melhor desempenho com o MacBook Air (2022) com chip M2, compre logo a versão com 512 GB de armazenamento.

Além de uma maior capacidade para manipular grandes volumes de dados (pelo espaço disponível e velocidade maior), você ainda recebe alguns núcleos de GPU adicionais que acabam influenciando no desempenho final de alguma forma.

E eu nem preciso dizer que tudo isso tem um preço adicional consideravelmente mais alto que o modelo base. Logo, avalie muito bem se vale a pena pagar a mais por isso. E só faça esse investimento se realmente precisar realizar tarefas um pouco mais complexas com o MacBook Air M2.


Compartilhe