Por que a combinação KB4592438 e Chkdsk pode ser mortal no Windows 10? | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia
Por que a combinação KB4592438 e Chkdsk pode ser mortal no Windows 10? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Por que a combinação KB4592438 e Chkdsk pode ser mortal no Windows 10?

Por que a combinação KB4592438 e Chkdsk pode ser mortal no Windows 10?

Compartilhe

A atualização KB4592438 do Windows 10 tem como objetivo teórico melhorar a segurança do Edge e do Microsoft Office. Mas isso, na teoria: na prática, essa atualização tem um problema bem sério quando utilizamos a ferramenta Chkdsk, que pode eliminar o sistema de arquivos da unidade armazenada, impedindo a reinicialização do sistema e, pior, deixando o usuário sem acesso aos arquivos e sem sistema operacional instalado.

 

 

 

Por que isso está acontecendo?

 

A falha foi descoberta inicialmente pelo usuário Nero24 no fórum alemão planet3dnow.de. Ele aplicou manualmente a atualização KB4592438 em vários computadores já atualizados para o Windows 10 20H2. Após concluir o processo, ele acionou a ferramenta de diagnóstico Chkdsk com o parâmetro f/ para reparar possíveis erros no sistema de arquivos durante a análise.

 

 

Após executar o processo em vários sistemas, os sete primeiros PCs foram reiniciados, e a Tela Azul da Morte se fez presente em todos eles, onde não foi possível reiniciar nenhum deles, com a indicação do problema com o sistema de arquivos.

 

 

 

KB4592438 + Chkdsk = BSOD

 

 

Algumas comprovações foram verificadas nos sistemas que não receberam o KB4592438, e ele pode comprovar que o Windows detectava as unidades dos equipamentos afetados como não particionados. Isso fez com que o profissional concluísse que o problema estava em um funcionamento anormal no recurso de reparação de erros, que é invocado pelo parâmetro /f. Nesse instante, o sistema de arquivos foi perdido, o que impede a inicialização dos equipamentos.

Depois de uma análise mais aprofundada, um arquivo danificado foi localizado, além de um erro em um dos elementos da tabela de endereços. Tais problemas podem ser solucionados com a mesma ferramenta que provocou o problema, ou seja, o Chkdsk. Após a reparação, os computadores com as unidades de SSD afetadas pelo problema da atualização KB4592438 voltaram a funcionar normalmente.

O problema não afeta unidades de SSD de um único fabricante, já que os PCs afetados contavam com modelos de SSD diferentes. Tal característica fez com que o KB4592438 recebesse a culpa pela falha.

Depois que o incidente foi revelado, vários leitores do blog alemão começaram a compartilhar experiências similares. Em todos os relatos, três fatores coincidem na falha: Windows 10 20H2, KB4592438 e uma unidade SSD. E tudo aponta que o problema veio com a atualização de 8 de dezembro de 2020.

 

 

 

O que eu devo fazer nesse momento?

 

Se você atualizou o seu Windows 10 20H2 com a atualização/correção KB4592438, jamais execute o comando Chkdsk /f, sob nenhuma circunstância. E, se possível, evite instalar essa correção no seu computador, principalmente se o seu equipamento é de uso profissional ou conta com arquivos importantes na sua vida.

Enquanto isso, esperamos que a Microsoft publique uma nova correção que solucione esse problema. Mas o ideal mesmo é não instalar a atualização KB4592438, principalmente se você tem um equipamento com uma unidade de SSD para armazenamento.

Lembrando mais uma vez: prevenir é melhor do que remediar. Sempre publicamos esses posts com o objetivo de alertar os usuários sobre os possíveis problemas mais sérios que o Windows 10 e suas atualizações podem oferecer. E é sempre bom ter uma certa prudência com esse tema, já que a Microsoft já traumatizou muita gente com os seus updates.

 

 

Via gHacks, Borncity


Compartilhe
TargetHD.net