malware

A polícia de Taiwan cometeu um grande #fail ao distribuir pendrives cheios de malwares para pessoas que assistiram a um evento oficial, em dezembro de 2017.

O mais irônico do incidente é que os pendrives foram entregues como prêmio para quem respondia corretamente a perguntas sobre cibersegurança.

54 pessoas receberam pendrives de 8 GB com o malware XtbSeDuA.exe, que rouba informações pessoais quando executado em sistemas operacionais de 32 bits. Esse malware transmite as informações roubadas para um servidor na Polônia.

Para a sorte das vítimas, o malware é velho e o servidor da Polônia está desligado desde 2015, depois de uma intervenção policial. Sem falar que apenas os computadores de 32 bits são vulneráveis, e o malware já está na base das ameaças dos principais sistemas de anti-vírus.

Tanto a polícia como o conselho de cibersegurança foram alertados, e os ânimos ficaram exaltados, uma vez que o incidente aconteceu em um evento oficial. O problema foi detectado pela empresa Shawo Hwa Industries, onde um dos usuários utilizou um equipamento para transferir um sistema operacional para unidades USB.

As autoridades locais pediram desculpas aos afetados pelo problema, mas apenas 20 dos 54 dividiram as últimas unidades.

 

Via Taipei Times