Compartilhe

A zoeira não tem limites, e a geração Millennial precisa entender de uma vez por todas que foi a minha geração quem criou esse conceito. Logo, o bullying com os filhos (dentro de limites respeitosos) é sempre bem vindo para resultar vídeos divertidos para a internet.

O Fortnite é um dos jogos mais populares do momento, se não for o jogo mais popular de 2018. O battle royale da Epic Games é um dos mais jogados, e o seu número de adeptos não para de crescer. E os jovens são loucos pelo game, onde crianças e adolescentes entram de cabeça em um mundo mágico logo que iniciam o game pela primeira vez.

Tudo bem, encontramos vários adultos no jogo, mas a maioria que joga Fortnite é a galera mais jovem, que passa horas na frente da TV ou do smartphone explorando o seu universo.

Sabendo disso, o conhecido apresentador de TV Jimmy Kimmel teve a brilhante ideia de pedir aos pais que assistem ao seu programa na ABC que desligassem a televisão no meio de uma sessão de Fortnite e gravarem a reação dos filhos diante de tal ato insensato.

Ou seja, Kimmel nada mais faz do que trazer o YouTube para a televisão. O que vemos de vídeos com exatamente o mesmo conceito na plataforma de streaming é uma enormidade.

 

 

Até o YouTube na TV é algo hilário

Bom, fato é que as reações são as mais inusitadas possíveis. Eu provavelmente não ia ficar feliz se meus pais fizessem o mesmo comigo. De qualquer forma, não deixa de ser algo interessante e divertido. E acho mesmo que a reação dos adultos diante dessa atitude insensata seria a mesma.

 

 

Não é a primeira vez que Jimmy Kimmel desafia os pais da audiência para fazer bullying com os seus filhos. Todos os anos, o programa apresenta o segmento “comi os seus doces do Halloween”, em uma compilação de vídeos que também está disponível nesse post.

Os vídeos estão em inglês e sem legendas, mas as reações em si são universais. E uma imagem vale mais do que mil palavras nesse caso.

 

 


Compartilhe