Compartilhe

Começamos a nossa série de posts apresentando os melhores smartphones chineses de 2019. A lista não está por ordem de importância, e apresenta dispositivos que contam com as melhores especificações ou com uma relação custo-benefício acima da média. Esse é o primeiro de uma série de três posts especiais.

 

 

Xiaomi Mi 9T Pro

 

 

Uma das melhores relações custo-benefício em 2019 e completo o suficiente para competir com o Mi 9, modelo top de linha da Xiaomi. Se destaca pela tela AMOLED de 6.39 polegadas sem notch, câmera periscópio, processador Snapdragon 855 trabalhando com 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento e câmera tripla traseira com sensor principal de 48 MP acompanhado de uma lente grande angular e outra lente telefoto.

Tem ótimo desempenho e fluidez, além de uma construção excelente. Por outro lado, a qualidade de áudio e a fotografia não alcança o nível de modelos melhores. Mesmo assim, é um dos smartphones chineses mais recomendados do ano.

 

 

Xiaomi Mi Note 10

 

 

O smartphone com câmera de 108 MP, leitor de digitais na tela e bateria de 5.260 mAh. O modelo recebe cinco câmeras traseiras (o sensor principal, dois sensores telefoto, uma grande angular e um sensor macro). É um dos modelos mais completos da marca, exceto pelo processador. Um dos mais recentes lançamentos, e que deixa a ideia que a Xiaomi ainda pode melhorar.

 

 

Xiaomi Mi A3

 

 

O smartphone com Android One da Xiaomi. Outro campeão de vendas de 2019. Não é infalível, mas é bem fácil de ser recomendado com a sua tela de 6.08 polegadas (HD+), generosa bateria de 4.030 mAh, processador Snapdragon 665, design equilibrado e preço excelente.

 

 

Xiaomi Redmi Note 8T

 

 

É um dispositivo conservador no design, mas que finalmente recebe o NFC. Conta também com quatro câmeras, processador Snapdragon 665 e carga rápida de 18W para a sua generosa bateria de 4.000 mAh. Seu preço é muito bom, e esta é uma atualização que coloca a série Redmi Note entre as melhores do mercado.

 

 

Huawei Mate 30 Pro

 

 

O grande feito da Huawei em 2019. Por causa do veto do Trump, ele chega com o Android mas sem os serviços do Google. Ou seja, é um top de linha, mas sem acesso ao Gmail, Google Mapas, YouTube e outros.

Possui uma tela curva AMOLED de 6.53 polegadas (QuadHD+), processador Kirin 990 de 7 nanômetros, bateria de 4.500 mAh com carga rápida de 40W e sistema de quatro câmeras com dois sensores de 40 MP, uma ultra grande angular e uma teleobjetiva com zoom ótico de 3x. Mesmo sem contar com os apps do Google, tem características técnicas excelentes.

 

 

Huawei P30 Pro

 

 

Simboliza a consolidação da Huawei como uma das referências em fotografia nos smartphones. Seu zoom de 5x o posiciona como um dos melhores do ano nesse aspecto, com uma câmera versátil. Agora, some isso a sua grande autonomia e desempenho de bom nível, e temos um smartphone muito equilibrado. É um exemplo de como os smartphones chineses podem competir contra qualquer outro, independente do preço.


Compartilhe