Wetten.com Brasil Apostas
Home » Telefonia » Os materiais mais resistentes para smartphones

Os materiais mais resistentes para smartphones

Compartilhe

Os fabricantes de smartphones utilizam diferentes materiais para os seus dispositivos. Normalmente esses materiais determinam o preço e a qualidade de construção do telefone. Porém, outros fatores são considerados para essas escolhas para determinar quais são os materiais mais resistentes para smartphones.

Dependendo do material escolhido pelo fabricante, um smartphone pode ter maior ou menor conectividade, melhor ou pior resistência e acabamento com características diferentes. E entender essas diferenças pode ser algo importante para muitos usuários na hora de escolher um modelo em específico.

Neste post, vamos mostrar quais são os materiais mais resistentes para smartphones. Vamos analisar de forma breve os diferentes materiais adotados pelos fabricantes na hora de fabricar um smartphone. Bem sabemos que o cristal, o metal e o plástico são os mais escolhidos, mas poucos sabem quais são as reais diferenças entre eles.

A sequência aqui está estabelecida pela durabilidade dos materiais.

 

 

 

Plástico

 

 

É o material mais utilizado pelos fabricantes, e em todas as faixas de preço, já que é mais leve e maleável que os demais e, ainda assim, é bem resistente.

Pode não ser mais resistente que o metal, mas é mais imune aos arranhões e quedas, já que o alumínio não esconde tão bem as marcas de guerra.

Pode estar diretamente associado aos telefones de entrada e linha média, mas é o melhor material disponível para aqueles que querem dispositivos mais personalizáveis. Sem falar que transmite melhor o sinal de radiofrequência, tanto no WiFi quanto nas redes móveis de celular.

 

 

 

Metal

 

 

Um dos mais utilizados pelos fabricantes nos modelos top de linha e premium da atualidade, e o motivo aqui não poderia ser outro: a sua elevada resistência e durabilidade.

Não é o material mais fácil de se manejar, mas é o que entrega uma boa relação custo-benefício para os fabricantes. Além disso, é o material mais fácil para dobrar, deformar ou danificar o smartphone em caso de quedas.

Por outro lado, um smartphone de alumínio é muito mais agradável à vista e ao toque, dando uma sensação mais premium ao dispositivo. Ao mesmo tempo, este não é o material que entrega a melhor qualidade de sinal nas redes sem fio.

 

 

 

Cristal

 

 

É o mais elegante material e, talvez, aquele que mais evoluiu nos aspectos tecnológicos. Afinal de contas, proteções como Dragontail e Gorilla Glass são referências no setor.

Se é o material que melhor transmite o sinal das redes sem fio, eu nem preciso dizer que é o elemento mais frágil nas quedas ou arranhões. Ele será perfeito para você, desde que você cuide do seu smartphone com todo o cuidado do mundo.

Aqui, a regra é bem simples: caiu, perdeu!

 

 

 

Cerâmica

 

 

Sua durabilidade é maior que a do cristal e do plástico, além de ser muito mais leve que o metal. Por outro lado, ele é o material mais caro da atualidade, uma vez que sua modelagem e fabricação são complicadas.

Outro ponto negativo da cerâmica é a sua fragilidade a quedas, sofrendo mais dos efeitos que o metal ou o plástico, e sua superfície pode se arranchar com facilidade.

 

 

 

Qual material escolher?

Tudo depende de você, como sempre.

Para uns, é melhor ter um telefone mais resistente. Para outros, é fundamental ter um smartphone elegante. A escolha aqui é uma questão de gosto e perspectiva.

Olhando para o mercado como um todo, os fabricantes escolheram o metal e o cristal como as melhores opções para novos smartphones, através de uma combinação de boa robustez do chassi metálico com o acabamento premium do vidro e um preço relativamente competitivo.

No final das contas, essa combinação não é uma regra bíblica, e você é livre para escolher o material que quiser.


Compartilhe