OPPO SuperVOOC de 65W, e o primeiro smartphone a receber essa recarga ultra rápida | TargetHD.net TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia
Press "Enter" to skip to content

OPPO SuperVOOC de 65W, e o primeiro smartphone a receber essa recarga ultra rápida

Compartilhe

A OPPO apresentou uma nova versão do seu modo de recarga rápida sem fio SuperVOOC, que entrega agora o modo de recarga a 65 watts, sendo assim capaz de recarregar um smartphone em menos de 30 minutos.

A batalha da OPPO nesse aspecto é com a Xiaomi e com a Vivo, que prometem resultados tão incríveis como recarga completa do smartphone em 17 minutos com 100W da Xiaomi ou até 13 minutos com a Vivo. Mas dessa vez, temos não apenas a tecnologia em funcionamento, mas também o anúncio do primeiro smartphone que vai receber o recurso.

 

 

Veremos em breve um smartphone com recarga recorde

 

 

A OPPO já anunciou que no próximo mês de outubro será apresentado o OPPO Reno Ace, smartphone com tela com taxa de atualização de 90 Hz e com a nova recarga rápida SuperVOOC, que nesse dispositivo será de 65W.

Um pequeno teaser publicado no Twitter mostra o recurso em funcionamento, e a promessa é entregar 100% de recarga em uma bateria de 4.000 mAh em apenas 25 minutos.

 

 

Assim, o OPPO Reno Ace vai bater o recorde de recarga rápida do OPPO RX17 Pro, que conta com o SuperVOOC de 50W. Não só isso: não apenas se antecipa à Xiaomi e Vivo, mas acaba se tornando o smartphone com recarga mais rápida do mundo.

 

 

Se é pra recarregar rápido, que faça isso também sem cabo

A OPPO também apresentou novas tecnologias de recarga, como a VOOC 4.0 e Wireless VOOC 30W. Isso coloca a empresa em pé de igualdade com a Xiaomi, mesmo sem contar com um modo de recarga inversa.

O final de 2019 está bem interessante nesse aspecto. Xiaomi e Vivo não falam sobre um smartphone com recarga ultrarrápida para o final desse ano, e ainda resta ver se a Huawei fará avanços no seu modo de recarga rápida (estacionado nos 40W até agora). Em longo prazo, vamos ver como esses modos de recargas rápidas vão influenciar na inevitável degradação das baterias.

 

Via IceUniverse


Compartilhe