Eu também não fazia ideia do que significava a sigla. Mas eu fui pesquisar para vocês antes de escrever esse post.

Mesmo porque, nos dias de hoje, e em pleno 2019, temos que considerar o fato que informação é poder. Não podemos mais aceitar a alienação e a ignorância que, em muitos casos, é proposital. Algumas pessoas simplesmente não querem obter o conhecimento, pelos mais diversos motivos. Não é o meu caso. Não é o seu caso. E não é o caso de ninguém que visita esse blog regularmente.

Mas… vamos ao que interessa.

No universo de gestão de projetos, você se depara com várias siglas. E eu, como leigo, não consigo decorar todos. Que dirá entender os seus significados: PMP, PRINCE2, CPM, WBS, PMBOK… são mais de 150 siglas dentro desse segmento.

Se você é um novo gestor de projetos, ou não pertence a esse mundo, é fácil ter a sensação que as pessoas que fazem parte desse segmento de mercado estão falando um idioma estrangeiro ou uma língua alienígena. Mas pelo menos um dos termos é possível explicar de forma mais simples. Com um infográfico, inclusive.

Uma vez que o termo OGP está ganhando muita popularidade nos últimos anos, é bem provável que você já tenha escutado essa sigla em muitas conversas relacionadas com temas do setor, ou até mesmo encontrado em algum blog que está falando sobre isso, em uma busca no Google.

Sem mais delongas: OGP é a sigla para “Office of Management and Budget”, ou Escritório de Gestão de Projetos (ou, nesse caso, Oficina de Gestión de Projectos em espanhol). E é aqui que vem a próxima pergunta: o que faz exatamente um OGP? E a próxima: por que você deveria se informar sobre eles? E a outra: a sua empresa deveria ter um OGP?

O infográfico abaixo responde esta e outras perguntas.

 

 

¿Qué es una OGP?
Infografía ofrecida por Wrike – Software Administrador De Proyectos