Wetten.com Brasil Apostas
Home » Dicas, Truques e Macetes » O que é o FLoC, e como se livrar dele

O que é o FLoC, e como se livrar dele

Compartilhe

Eu sei que o termo “FLoC” ou “floqueado” é desconhecido para você. Por isso, vamos explicar neste post o que é, e como você pode evitá-lo.

Faz um bom tempo que o Google está de olho na possibilidade em eliminar de vez o uso dos cookies, já que eles podem manter você conectado nos sites já visitados como podem enviar publicidade direcionada que você não pediu, entre várias outras coisas.

E o Google é muito interessado nisso. Interessado até demais, pois quanto mais ele sabe sobre você, mais dados podem vender para publicidade.

Então, vamos explicar o que é o tal FLoC.

 

 

 

O que é o FLoC?

O FLoC (Federated Learning of Cohorts) ou floqueamento é o novo sistema de rastreamento seguro do Google, e é a forma da gigante de internet se livrar ao pouco dos cookies, os pequenos arquivos que seu navegador web armazena de cada site visitado.

Esse recurso dispensa o uso de cookies de terceiros para coletar dados relacionados com a atividade do usuário online, permitindo que a publicidade ofertada durante a navegação seja mais segura, com a “pequena” diferença que esse recurso é exclusivo do Google, que fica com todas essas informações.

Percebeu o que está acontecendo aqui?

 

 

 

Como descobrir se estou sendo floqueado?

Nesse momento, pelo menos 0,5% dos usuários dos navegadores Chrome estão sendo floqueados, e os testes estão acontecendo também no Brasil. Pode parecer pouco, mas considerando a quantidade de dispositivos que contam com esse tipo de navegador web, é um número considerável (milhões de usuários, pelo menos).

E a pior parte: ninguém foi avisado que está passando pelo FLoC, com dados de navegação coletados de forma intensiva. E o Google quer expandir o alcance desse recurso para 5% dos usuários do Chrome (100 milhões de pessoas).

Agora que você ficou um pouco assustado com tudo isso que escrevi, chegou a hora de saber como é possível evitar o floqueamento do Google.

 

  • A boa notícia? Existem duas formas de bloquear o FLoC.
  • A má notícia? Nenhuma delas será do seu agrado.

 

A via mais eficiente para evitar o FLoC é bloqueando os cookies de terceiros, a partir das preferências do navegador. E ter que conviver com os problemas na experiência de uso da web que tal decisão pode entregar.

Outra solução é usar a extensão do DuckDuckGo para Chrome, que conta com um recurso que bloqueia o floqueamento de forma direta. Mas adicionar mais uma extensão no navegador web não é algo que todo mundo deseja.

Se nenhuma das duas soluções são do seu agrado, a Electronic Frontier Foundation (EFF) habilitou uma página web para que você verifique se está sendo floqueado, além de maiores informações sobre o assunto.

A médio e longo prazo, a única solução razoável para quem quer se ver livre do FLoC é abandonar o Chrome e usar outro navegador. Qualquer outro browser serve para resolver o problema: Brave, Firefox, Microsoft Edge, Opera, Vivaldi…


Compartilhe