Compartilhe

Hoje, vamos explicar a que nos referimos quando afirmamos quem um smartphone ou computador possui Bloatware, e por que a maioria dos dispositivos sempre contam com um. O termo é conhecido para designar um tipo específico de aplicativo, mas com o tempo evoluiu para se referir a outro que podem chegar a ser diferente do primeiro.

Por isso, é melhor explicar direito o que significava o termo Bloatware antes, e o que se tornou agora. Depois, explicaremos por que ele está pré-instalado em seu computador ou dispositivo móvel, e por fim, tentaremos explicar de forma simples como se livrar dele.

 

 

O que é Bloatware?

Antes, o termo Bloatware era utilizado para definir softwares que tinham funcionalidades mínimas mas exigiam um espaço desproporcional em disco. Era utilizado principalmente para se referir às atualizações de aplicativos e sistemas operacionais.

Com o tempo, o conceito de Bloatware evoluiu para todo e qualquer aplicativo que vem pré-instalado em nossos equipamentos, tanto em notebooks como em tablets e smartphones. Normalmente é um aplicativo que não queremos ou precisamos, mas que o fabricante faz questão de deixar no dispositivo para atormentar a nossa vida.

 

 

Por que o seu PC ou smartphone possui Bloatware?

Porque muitos fabricantes fecham parcerias com outras empresas ou desenvolvedores de software para integrar tais aplicativos para reduzir custos ou viabilizar outras soluções para o equipamento ou dispositivo. Essas empresas parcerias dos fabricantes pagam para ter o software pré-instalado no produto, aumentando a sua presença no mercado, mas não necessariamente aumentando o uso da solução.

 

 

Como desinstalar do Bloatware (ou melhor, como se livrar dele)?

Hoje, existem duas alternativas para se livrar do Bloatware. A primeira é desinstalando de forma direta. Isso é fácil no Windows, mas no Android alguns apps não podem ser desinstalados, a não ser que você faça o root no dispositivo para assumir o controle total do mesmo.

O segundo método só vale para o Windows, que é fazer uma instalação limpa e do zero no Windows 10, o que elimina os elementos instalados pelo fabricante do equipamento. Só terá que lidar com um ou outro app pré-instalado no próprio sistema, o que é bem menos pior.


Compartilhe