NVIDIA RTX Studio quer fazer você esquecer que o MacBook Pro existe | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia NVIDIA RTX Studio quer fazer você esquecer que o MacBook Pro existe | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notebooks, Ultrabooks e Conversíveis | NVIDIA RTX Studio quer fazer você esquecer que o MacBook Pro existe

NVIDIA RTX Studio quer fazer você esquecer que o MacBook Pro existe

Compartilhe

Se você é um criador de conteúdo, muito provavelmente tem um MacBook Pro ou quer um. Fotógrafos, editores e vídeo e designers gráficos amam esse notebook por causa do desempenho obtido com os seu software especializado. Porém, a NVIDIA quer mostrar que pode fazer melhor.

A empresa apresentou na Computex 2019 uma nova linha de portáteis, a RTX Studio, em parceria com alguns dos principais fabricantes do setor (HP, Dell, Acer, Asus, MSI e Razer), que deve entregar notebooks desenvolvidos especialmente para os criadores de conteúdo, com tudo o que tal perfil implica ou envolve.

 

 

A NVIDIA quer bater de frente com o MacBook Pro

 

 

O mais óbvio nessa iniciativa é o hardware. Os notebooks podem contar com gráficos da linha RTX 2000, indo da RTX 2060 até a RTX 2080, e também serão os primeiros a receber a nova linha Quadro RTX 5000 para notebooks. Estas GPUs foram desenvolvidas para profissionais que exigem potência para editar vídeos, gráficos ou fotos em alta resolução, e agora estão disponíveis para computadores portáteis, com até 16 GB de memória GDDR6 dedicada.
A nova placa deve dar conta da demanda das tarefas de edição profissional.

A segunda peça desse quebra-cabeça de performance está no software. A NVIDIA quer que os programas mais utilizados pelos criadores de conteúdo rodem mais rápido no seu computador do que em um MacBook Pro, e por isso desenvolveu o NVIDIA Studio Stack, um conjunto de APIs e ambientes de desenvolvimento que entregam um melhor desempenho em programas de edição de vídeo, renderização, animação e outras tarefas. A tecnologia foi testada com programas da Adobe, Autodesk, Avid, Blackmagic e Maxon.

A NVIDIA também afirma que os notebooks com a marca RTX Studio são até sete vezes mais rápidos que um MacBook Pro com 32 GB de RAM e gráficos Vega Pro 20. Não é de se estranhar que esse seja o objetivo da NVIDIA: a Apple apostou nos últimos anos no seu principal concorrente, a AMD. Logo, a NVIDA quer fazer a Apple se arrepender dessa escolha, convencendo aos criadores que existe vida além da maçã mordida.


Compartilhe