Compartilhe

Essa nova versão do Vivo S1 é um smartphone que não conta com câmera retrátil, mas sim com um notch em forma de gota. Em troca, a sua tela é uma Super AMOLED e integra um leitor de digitais. Mas ele vai um pouco além dessas duas mudanças.

 

 

Agora com notch

 

 

O Vivo S1 foi lançado na Indonésia, e não tem nada a ver com o Vivo S1 nem com o Vivo S1 Pro que já conhecemos. Para começar, a câmera frontal com mecanismo retrátil desaparece, para dar lugar para um notch em forma de gota que abriga a câmera frontal de 32 MP.

Em compensação, a tela melhorou em relação ao modelo anterior, ficando com uma Super AMOLED de 6.38 polegadas (Full HD+), que abriga o leitor de digitais.

 

 

Câmera tripla com um novo design

 

 

O novo Vivo S1 conta com uma câmera traseira tripla, com um sensor principal de 16 MP (f/1.78) + 8 MP (grande angular, f/2.2) + 2 MP (sensor de profundidade, f/2.4). O design das lentes também é completamente diferente, com uma protuberância que não chega na parte superior.

Seu processador é um MediaTek Helio P65, acompanhado de 4 GB de RAM e 128 GB de armazenamento. Sua bateria também é digna de destaque, com 4.500 mAh com modo de recarga rápida Fast Dual Charge.

O Vivo S1 está disponível na Indonésia, por um preço sugerido de 230 euros (já convertidos).

 

 

Não há informações sobre o lançamento desse modelo para o mercado brasileiro, algo que eu considero que vai ser difícil de acontecer. Mas pelas especificações apresentadas, esse Vivo S1 é um modelo de linha média normal e corrente, não muito diferente de tantos outros dispositivos que já estão em nosso mercado.

A não ser que esse produto desembarque por aqui por um preço realmente tentador, acho difícil imaginar muitos usuários esperando de forma ansiosa o seu lançamento no mercado brasileiro. Mas se isso um dia acontecer, é melhor para todo mundo.


Compartilhe