Compartilhe

O Switch já está na história como o videogame que salvou a Nintendo depois do desastre do Wii U. Logo, não é de se estranhar que a empresa se mantenha conservadora naquilo que deu certo, e isso explica os seus dois últimos lançamentos.

O novo Nintendo Switch Lite é basicamente um Switch normal que não remove os controles e não é compatível com o seu dock, sendo assim exclusivamente portátil. Agora, temos o novo Nintendo Switch original, que não muda praticamente nada em relação ao modelo anterior (por fora, é idêntico), mas com mudanças internas importantes.

 

 

O que mudou no novo Nintendo Switch?

 

 

O novo Nintendo Switch traz como principal novidade uma maior autonomia de bateria. Na verdade, muito mais horas de jogo: entre 4.5 horas e 9 horas, dependendo do tipo de jogo. The Legend of Zelda: Breath of the Wild (por exemplo) pode rodar por até cinco horas e meia no novo modelo.

Esse é um contraste enorme em relação ao modelo original, que poderia funcionar por entre 2h30 e 6h30, de acordo com as medições originais. Também entrega uma autonomia maior do que o Nintendo Switch Lite, que pode funcionar por entre 3 e 7 horas. A Nintendo não revela como conseguiu melhorar essa autonomia, mas muito provavelmente isso aconete por outras melhorias de hardware, mas não necessariamente um aumento na capacidade da bateria.

 

 

Provavelmente vamos descobrir isso quando alguém abrir o console, mas não será surpresa descobrir que o novo chip NVIDIA Tegra é mais eficiente nos aspectos de consumo energético, mantendo o mesmo design e formato.

Assim, a Nintendo não optou seguir o caminho adotado pela Microsoft e Sony, que lançaram versões intermediárias dos seus consoles, para oferecer uma potência maior. É pouco provável encontrar sérias diferenças de desempenho ou gráficos com o novo Switch, e por isso a Nintendo sequer escolheu um novo nome para o novo modelo, que simplesmente vai substituir a primeira versão, com o mesmo preço.

O novo Nintendo Switch chega ao mercado a partir de agosto.

 

 

A Nintendo aproveitou a oportunidade para lançar uma nova série de Joy-Con, com uma mudança simplesmente estética. Os novos modelos estão disponíveis nos Estados Unidos por US$ 79,99, com chegada ao mercado a partir de outubro.


Compartilhe