Compartilhe

Depois de mais de um ano de vazamentos, a HMD Global apresentou na MWC 2019 o Nokia 9 PureView. Os rumores de vários meses foram confirmados, e temos um dispositivo com cinco câmeras traseiras e uma frontal.

Muito provavelmente esse é um dos dispositivos mais comentados dos últimos tempos (desde abril de 2017 falamos sobre ele). Agora, ele é uma realidade. E vamos conhecer os detalhes desse dispositivo.

 

 

Nokia 9 PureView: Especificações Técnicas

 

O Nokia 9 PureView possui uma tela pOLED de 5.99 polegadas (QHD+, 18:9) em uma tela PureDisplay. O processador é o Snapdragon 845 (lembrando que o Snapdragon 855 já existe) trabalhando com o co-processador Light, GPU Adreno 630, 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento.

Nas câmeras, dessa vez eu começo pela frontal, que é uma só, com 20 MP. Agora, na traseira… cinco sensores fotográficos, e todos de 12 MP!

 

 

A saber:

12 MP RGB f/1.8
12 MP RGB f/1.8
12 MP BN f/1.8
12 MP BN f/1.8
12 MP BN f/1.8

Mais adiante eu explico a função de cada um deles.

 

 

Na parte de conectividade, temos um dispositivo dual SIM 4G, WiFi 5, Bluetooth 5.0, GPS, NFC, ANT+ e USB Type-C. O modelo possui uma bateria de 3.320 mAh com modo de recarga rápida. Seu corpo e metálico, e o leitor de digitais está localizado na tela do dispositivo, que possui proteção IP67 e sistema operacional Android 9 Pie. O dispositivo possui dimensões de 155 x 75 x 8 mm, e seu peso é de 172 gramas.

 

 

Todo o protagonismo do Nokia 9 PureView está nas suas cinco câmeras traseiras. É o primeiro dispositivo a contar com esse número de lentes em um smartphone. De acordo com a HMD Global, cada sensor trabalha de forma independente e é capaz de ajustar a exposição ou o balanço de brancos.

Cada câmera captura de forma simultânea a mesma imagem, funde todas as fotos, e gera uma imagem com até 60 MP, com grande alcance dinâmico e profundidade. Nesse caso, o chip desenhado pela Light e o processador Snapdragon 845 assumem um papel fundamental para o sucesso dessa engenharia fotográfica.

 

 

Com dois sensores RGB e três em branco e preto, cada um deles é utilizado para uma função específica, como foco seletivo por zonas, branco e preto ou longa exposição. As câmeras contam também com machine learning, onde o dispositivo pode produzir até 1.200 capas de profundidade, entregando um arquivo DNG para cada uma delas. Além disso, as fotos podem ser editados pelo próprio aplicativo da câmera.

 

 

O novo Nokia 9 PureView já está disponível no mercado dos Estados Unidos, e tem preço sugerido de US$ 699. Não há previsão de lançamento para outros mercados.

 


Compartilhe