Compartilhe

A HMD Global apresentou oficialmente na MWC 2019 o Nokia 1 Plus, mais um smartphone básico, para aquelas pessoas que só querem enviar mensagens no WhatsApp, consultar as redes sociais, registrar fotos ocasionais e chamadas por telefone. É o máximo que podemos querer por um dispositivo que custa apenas 90 euros.

 

 

Uma tela pequena e manejável

“Pequena” naquelas, pois em um mundo onde as 6 polegadas estão na maioria, o Nokia 1 Plus possui uma tela LCD de 5.45 polegadas (SD). O modelo tem uma aparência bonita e moderna, com linhas estilizadas e arredondadas.

Nas câmeras, temos um sensor traseiro de 8 MP com foco automático, e um sensor frontal de 5 MP. Não dá para pedir muito das fotos desse smartphone, e o dispositivo só serve para aquela foto eventual para compartilhar nas redes sociais.

 

 

Um processador ajustado ao seu preço

Seu processador é um MediaTek MT6739WW quad-core a 1.5 GHz, trabalhando com 1 GB de RAM e 8 GB ou 16 GB de armazenamento (expansíveis via microSD de até 128 GB). Aqui, é altamente recomendável o uso de serviços na nuvem, principalmente o Google Fotos, que oferece armazenamento gratuito e ilimitado na máxima qualidade.

Na parte de conectividade, o Nokia 1 Plus mais uma vez mostra que é um dispositivo de entrada quando conta com rádio FM, WiFi 802.11 a/b/g/n, Bluetooth 4.2, GPS e AGPS, além de microUSB. O modelo ainda conta com acelerômetro e sensor de proximidade.

Sua bateria conta com 2.500 mAh, o que é o suficiente para manter o dispositivo vivo por pelo menos dois dias de uso não muito intenso. E um dos melhores detalhes do Nokia 1 Plus está no seu sistema operacional, que Android 9 Pie Go Edition, devidamente adaptado para os dispositivos menos exigentes.

Repetindo: o Nokia 1 Plus tem preço sugerido de apenas 90 euros. Não há previsão de lançamento para o mercado internacional, muito menos para o Brasil. Se vier para cá, compartilhamos com vocês essa informação.

 


Compartilhe