A Nintendo decidiu processar os principais sites de distribuição de ROMs de jogos clássicos dos seus consoles mais antigos. Com a chegada do NES Mini e o SNES Mini e a enorme monetização que os consoles trazem para a empresa, a ideia de emular esses jogos (especialmente de forma gratuita) começou a incomodar os seus executivos.

Dito isso, a Nintendo venceu um dos processos por infração de direitos autorais, conseguindo dos proprietários dos sites LoveROMS.com e LoveRETRO.co a quantia de US$ 12 milhões, bem abaixo dos US$ 100 milhões exigidos originalmente.

Na prática, o processo nunca foi parar nos tribunais, já que os proprietários dos dois sites conseguiram entrar em um acordo depois de aceitar que infringiram os direitos autorais, além de incluir uma interdição permanente que proíbe os sites de usar, compartilhar ou distribuir ROMs da Nintendo e outros materiais no futuro.

Além da multa, todos os jogos, arquivos de jogos e emuladores que estavam no site deverão ser entregues à desenvolvedora japonesa. Porém, é pouco provável que os acusados paguem o valor completo da multa, até porque na prática o objetivo da Nintendo não é o dinheiro, mas sim disparar um tiro de advertência para os demais sites de emuladores e ROMs.

Desde que este primeiro processo foi apresentado pela Nintendo em julho, boa parte dos sites que ofereciam ROMs decidiram se prevenir, promovendo a auto censura, como foi o caso do EmuParadise.

Vários são os motivos para os futuros jogadores não poderão acessar os jogos retrô de forma fácil ou confiável. Mas ao eliminar esses sites de ROMs, a Nintendo também apaga vários pedaços de sua própria história.

Nem todos os jogos foram adequadamente conservados até os dias de hoje, nem pelos editores ou desenvolvedores, nem pela maioria dos jogadores.

E o acesso também não é dos mais simples, com limitações em determinadas regiões, onde vários jogos são exclusivos em determinados países.

O impacto real dessa iniciativa é potencialmente negativo para os jogadores, que deveriam ser a ponta mais importante desse processo.

 

Via TorrentFreak