Isso foi rápido!

Faltando poucas horas para o lançamento da Nintendo Switch Online, alguns usuários encontraram uma forma de adicionar novas ROMs de jogos clássicos na plataforma, ampliando o catálogo inicialmente limitado em 20 jogos.

Quem conseguiu afirma que o processo é extremamente simples, onde qualquer pessoa com conhecimentos básicos poderia fazer isso. É claro, você corre o risco de ser banido da plataforma online da Nintendo.

Um dos responsáveis pela façanha descobriu que a emulação dos jogos clássicos do Switch é um porte direto do software utilizado no NES Mini, que por sua vez já foi hackeado faz tempo. Logo, bastou replicar o processo. Isso permite substituir os atuais jogos com novas ROMs via microSD.

Kapu, o usuário responsável por mostrar o processo, não acredita que esta é uma vulnerabilidade do console, mas sim um sistema que a própria Nintendo decidiu simplificar a adição de jogos com o passar do tempo, permitindo o anúncio de novos jogos a cada mês sem maiores complicações.

De novo: o processo tem as suas doses de risco. A Nintendo tem um controle enorme sobre a sua plataforma, sendo capaz de detectar modificações não autorizadas. Logo, é de se pensar que a Big N deve banir os jogadores que estão adicionando ROMs usando este ou outros métodos.

O mais provável é que a Nintendo vai lançar uma atualização para restringir o acesso à adição de ROMs.

De qualquer forma, a dica está dada. É claro que a Nintendo tem as suas regras e seus motivos para manter as suas plataformas fechadas, e o principal deles é a propriedade intelectual dos seus jogos, algo que a empresa sempre preservou.

Por outro lado, é inegável que mentes inteligentes estão cada vez mais rápidas do que a própria Nintendo e outros desenvolvedores de tecnologia. E entendo que já passou da hora da Big N em unir forças com essas mentes, no lugar de tentar eliminá-las.