Neo-Geo de nova geração vem aí | TargetHD.net TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia
Press "Enter" to skip to content

Neo-Geo de nova geração vem aí

Compartilhe

A bomba que muitos de vocês esperavam foi lançada pela SNK. Uma simples mensagem no Twitter confirma que um Neo-Geo de nova geração vai chegar em breve. Sem entrar em detalhes sobre o novo console.

A mensagem confirma os rumores que apareceram em abril de 2019, quando a própria SNK afirmou que estava desenvolvendo um Neo-Geo 2 e um Neo-Geo 3, ambos como novo consoles e não relacionados com um Neo-Geo Mini ou um console retrô.

 

 

Um Neo-Geo para competir com o Xbox Scarlett e o PS5?

 

A SNK decidiu ressuscitar com a febre dos consoles retrô. Depois do lançamento do Neo-Geo Mini (em diferentes versões), agora a empresa prepara algo maior. Um console completamente novo, com um novo design e com “uma maravilhosa sensação de jogo” (seja lá o que isso significa). O mais interessante aqui é que a empresa confirma que o usuário pode vincular um Neo-Geo Mini com o novo console, o que levanta uma série de especulações.

 

 

A empresa revelou para seus investidores em abril de 2019 os seus planos em lançar um novo Metal Slug para consoles, que seria independente ao desenvolvimento da Tencent para smartphones. Ou seja, a empresa quer apostar em novos jogos e consoles baseados em velhas franquias e nos seus anos de experiência. É o caso do novo Samurai Shodown, que foi muito bem recebido pelos fãs e pela crítica.

Por outro lado, é preciso ficar atento com a estratégia que a SNK vai adotar para o novo console, já que não sabemos se o dispositivo chega para competir com os consoles da próxima geração (Xbox Scarlett e PlayStation 5), ou se vai buscar adotar uma posição mais conservadora, assim como aconteceu com o Atari VCS, que aposta nas duas frentes: ser um novo console de videogames e central multimídia, mas totalmente compatível com os jogos clássicos.

Na minha modesta opinião, eu espero que a SNK mantenha a essência do console no que se refere à sua qualidade técnica, com jogos entregando gráficos espetaculares. Por outro lado, eu espero (sinceramente) que a empresa abandone o seu ar elitista. Estamos em 2019, e ninguém precisa de um console caro para inflar os preços e gerar o senso de ostentação nas pessoas. Aliás, ninguém precisava disso nem mesmo na década de 1990. Que dirá agora.

Vamos ficar atentos a todas as novidades sobre o assunto.


Compartilhe