Mousegun, o mouse vertical pensado nos gamers shooters | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Mousegun, o mouse vertical pensado nos gamers shooters | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Gadgets e Acessórios | Mousegun, o mouse vertical pensado nos gamers shooters

Mousegun, o mouse vertical pensado nos gamers shooters

Compartilhe

Amantes de jogos de carros preferem volantes no lugar de teclado e mouse. Algo bem lógico. Logo, por que o mesmo não acontece com os fãs de jogos de tiro? Uma empresa chinesa fez a mesma pergunta, e decidiu criar um mouse vertical em forma de pistola, pensado nos gamers que preferem os shooters.

 

 

O mouse vertical com aparência de pistola

 

O mouse foi desenvolvido pela empresa chinesa Ragnok, e foi batizado como Mousegun. O periférico simula a empunhadura de uma arma, mais especificamente da famosa Desert Eagle. Ela promete oferecer a sensação de ter uma pistola nas mãos, e pode inclusive prevenir a síndrome do túnel carpiano com a sua disposição vertical.

O Mousegun conta com dois gatilhos na sua parte frontal. O primeiro funciona como clique esquerdo do mouse, enquanto que o segundo ativa as funções do direito. A parte superior traseira inclui uma roda de deslizamento, que atura como a roda de um mouse convencional.

 

 

Jogos shooter em um modo mais realista

 

 

Esse mouse também permite o deslocamento do ponteiro quando o apoiamos na mesa na orientação vertical. O sensor possui uma sensibilidade de até 3.200 DPI, e aparentemente é um periférico bem cômodo para se usar.

O Mousegun é um periférico ambidestro, e é compatível com qualquer jogo shooter para PCs e notebooks, com conectividade sem fio. O mouse conta com uma bateria de 800 mAh, mas as horas de autonomia não foram informadas pelo fabricante.

O projeto do Mousegun está em fase de financiamento no IndieGoGo. Você pode reservar o peculiar periférico pagando US$ 59 de forma antecipada. Esse valor é 50% menor do que o preço que será cobrado por ele quando (e se) o produto chegar ao mercado. Não foram reveladas possíveis datas de envio para os primeiros compradores.

Não deixa de ser uma proposta minimamente diferente e interessante. Veremos quando os primeiros gamers relatarem as suas experiências com o produto. Será que o investimento nesse caso pode valer a pena?

 

 

 

Via IndieGoGo


Compartilhe