Motorola One 5G custa menos de US$ 500

Compartilhe

A Motorola apresentou nos Estados Unidos o Motorola One 5G, que se posiciona como um dos smartphones compatíveis com as redes móveis de nova geração mais baratos do mercado.

O modelo recebe muito do Motorola Edge, mas é claramente voltado para o mercado de linha média, com o principal apelo a seu favor para o seu preço: US$ 499. Você perde a tela curva e o leitor de digitais na tela, mas a diferença de US$ 200 parece fazer valer a pena os sacrifícios entre os dois modelos.

Vamos então conhecer as principais características do Motorola One 5G.

 

 

 

Design e tela

 

 

O Motorola One 5G possui uma tela plana de 6.7 polegadas, com taxa de atualização de 90 Hz, bordas relativamente pequenas (borda inferior maior que as demais) e câmera frontal dupla cravada nessa tela (sensor principal + grande angular). Ao redor da câmera, luzes indicam onde você deve olhar na hora de registrar a selfie.

A parte traseira possui curvatura nas bordas, com um acabamento que lembra outros smartphones da Motorola. O leitor de impressões digitais está integrado no botão de liga/desliga, a traseira é feita de plástico e conta com as quatro câmeras, um grande flash e o sensor macro recebe um anel de luz ao seu redor. Por fim, o conector para fones de ouvido está presente, acompanhado de um único alto-falante e a porta para cartões microSD.

 

 

 

Câmeras

 

 

O Motorola One 5G possui seis câmeras no total: quatro traseiras e duas frontais.

Nas câmeras traseiras, encontramos um sensor principal de 48 MP, acompanhado por uma lente grande angular de 8 MP e uma lente macro de 5 MP. Já o quarto sensor é para medir a profundidade dos objetos. A câmera macro possui um anel de luz que se acende para melhorar os resultados das fotos.

Na câmera frontal, temos um sensor principal de 16 MP e uma lente grande angular de 8 MP. Ao redor da câmera, uma luz se acende, indicando para qual sensor você deve olhar para registrar a foto.

As câmeras do Motorola One 5G contam com inteligência artificial para melhorar as fotos registradas em diferentes condições, e contam com detecção de sorrisos e outros recursos avançados.

 

 

 

Software e outras funções

 

O Motorola One 5G conta com o sistema operacional Android 10 praticamente puro, recebendo poucas customizações, incluindo funções do Motorola Edge como o My UX, com gestos que permitem ativar diferentes funções. Também é possível ativar um menu de atalho com apenas um toque no botão liga/desliga duas vezes.

 

 

 

O que aprendemos até aqui?

 

 

Que o Motorola One 5G se apresenta como uma boa relação custo-benefício, principalmente para quem não quer pagar tanto por um smartphone 5G. Para um dispositivo que conta com o processador Snapdragon 765G, ele tem uma concorrência grande. Por outro lado, a maioria dos demais modelos que recebem esse processador custam mais caros que ele (com exceção do OnePlus Nord, que não é encontrado com tanta facilidade nos Estados Unidos e por aqui).

Logo, este é um dispositivo equilibrado e com destaques pontuais. Porém, apenas os reviews podem dizer se ele realmente vale o quanto custa. Logo, vamos aguardar mais um pouco para obter conclusões mais precisas.

 

 

 

Motorola One 5G: ficha técnica

 

 

Tela: 6,7 polegadas (90 Hz)
Resolução: 2.520 x 1.080 pixels
Densidade de pixels: 408ppp
Processador: Snapdragon 765G
RAM: 4 GB
Armazenamento: 128 GB
Slot MicroSD: Sim
Câmeras traseiras: 48 megapixels (f / 1.8) + grande angular de 8 megapixels (f / 2.2) + macro de 5 megapixels (f / 2.2) + profundidade de 2 megapixels (f / 2.2)
Câmera frontal: 16 megapixels
Bateria: 5.000 mAh com carga rápida de 15 W
Resistência à água: Não
Carregamento sem fio: Não
Reconhecimento facial: Básico
Conector de fone de ouvido tradicional: Sim
Tamanho: 168 x 74 x 9mm
Peso: 210 gramas

 

 

Via The Verge


Compartilhe