Wetten.com Brasil Apostas
Home » Notícias » Motivos para o iPhone 12 não contar com um carregador no kit de venda

Motivos para o iPhone 12 não contar com um carregador no kit de venda

Compartilhe

Eu deixei de escrever sobre rumores do mundo da tecnologia no TargetHD.net porque quero que esse blog seja diferente dos demais dentro desse segmento. Mas isso não impede que eu comente sobre esse rumor, que está ganhando força e gerando muito falatório e reclamação por parte dos futuros clientes (ou ex-futuros clientes em potencial, dependendo do ponto de vista).

Pois bem, o último final de semana ficou polarizado em alguns assuntos com muito destaque na internet, como jogos do Campeonato Carioca em meio ao caos, o Blackpink batendo um recorde no YouTube e mais um rumor sobre o futuro iPhone 12. Porém, sobre esse último tema, os fãs da Apple e os especialistas em tecnologia estão levando esse rumor mais a sério do que muitos gostariam.

E o rumor é: o iPhone 12 viria sozinho na caixa.

Como assim?

Isso mesmo que você acabou de ler. O futuro iPhone 12 pode chegar sozinho na sua caixa de venda. Quero dizer, não completamente sozinho: o cabo USB-C estaria incluso. Mas também é só isso: nada de carregador e nada de fones EarPods.

Por que, Apple? Por que???

 

 

 

Por que o iPhone 12 seria vendido sem carregador?

 

 

É a Apple sendo Apple, minha gente. A mesma empresa que vende uma base ou suporte para um monitor caríssimo por módicos US$ 999.

Antes de prosseguir, é importante deixar bem claro que tudo o que vamos conversar nesse post ainda é apenas um rumor, ou seja, nada aqui é oficial… ainda. Porém, tem vários veículos de imprensa que praticamente confirmam essas especulações, e isso foi o suficiente para que toda uma comunidade de usuários enchessem fóruns de discussão de comentários e posts em blogs independentes.

Sem falar que os fiéis à Apple e os fãs do Android voltaram a se enfrentar nesses comentários.

Porém, vamos ouvir um pouco os especialistas, que oferecem uma perspectiva um pouco mais robusta e focada nos negócios, e assim tentar entender os motivos por trás dessa possível estratégia comercial da Apple que pode irritar a muita gente.

A empresa financeira MG Siegler publicou um relatório enumerando os motivos da Apple para lançar um iPhone 12 sem um carregador na embalagem:

 

1) Aumentar as margens de lucro.
2) Contribuir para reduzir os custos de envio por peso e volume de cada pacote (o que também aumenta a sua margem de lucro por unidade vendida).
3) Impulsionar a transição para um futuro iPhone sem portas de conexão.
4) Ajudar o meio ambiente.

 

Por partes.

Os dois primeiros motivos da lista são tão lógicos e, ao mesmo tempo, tacanhos e sensatos. A Apple vai tentar a todo custo aumentar a margem de lucro do iPhone, um produto que foi sensivelmente afetado pela mudança de comportamento do usuário nos últimos anos, e que pode sentir ainda mais os efeitos da crise global que enfrentamos nesse momento (já que comprar um novo smartphone não é exatamente a prioridade para a maioria das pessoas).

Porém, os dois últimos argumentos da lista precisam ser explicados com um pouco mais de contexto.

Desde o momento em que a Apple eliminou a porta de 3.5 mm para fones de ouvido no iPhone, a empresa está apostando em um smartphone com cada vez menos conectores. Logo, não é um absurdo pensar em um futuro telefone que só dependa da recarga de bateria em modo sem fio.

Por outro lado, o argumento de ajudar o meio ambiente está na redução de produção de lixo eletrônico no futuro, o que é uma justificativa quase acrobática por parte da Apple, mas quase aceitável pelos usuários com olhar mais consciente sobre as questões ambientais.

De novo: ainda são rumores. E a palavra final sobre o tema é da Apple. Logo, vamos ter que esperar a empresa se pronunciar oficialmente sobre o assunto, algo que deve acontecer no terceiro trimestre de 2020.

 

 

Via MG Siegler


Compartilhe