Compartilhe

A Xiaomi apresentou oficialmente a MIUI 10, que traz várias alterações para ficar mais limpa e otimizada para todos os equipamentos, apostando no conceito de tela full frontal.

O novo menu de aplicativos recentes aproveita melhor o design de tela full frontal presente nos dispositivos mais recentes da Xiaomi. No lugar de organizar os aplicativos recentes como um conjunto de cartões, eles aparecem lado a lado na tela, permitindo a visualização de até seis aplicativos recentes ao mesmo tempo.

 

 

O usuário tem mais informações ao mesmo tempo, e pode realizar as ações com um simples gesto. Pode também deslizar o dedo para remover apps da lista ou pressionar na tela para obter mais informações.

A MIUI 10 integra inteligência artificial, que atua na velocidade de abertura dos aplicativos, antecipando ao que o usuário vai fazer. Ela também é responsável por entregar o efeito bokeh nos modelos mais antigos da Xiaomi que receberão a atualização para o novo software, tanto na câmera frontal como na traseira.

 

 

A MIUI 10 também conta com um novo modo de condução por comandos de voz, evitando distrações. Você poderá buscar mapas e atender chamadas através de simples comandos de voz.

 

 

O novo software também permite o controle dos dispositivos domésticos inteligentes conectados ao seu smartphone. O controle para cada dispositivo aparece em widgets na tela principal, facilitando o acesso e controle a cada sistema, e dispensando o uso do aplicativo Mi Home. Mais de 590 marcas já estão compatíveis com a MIUI 10, e outros fabricantes estão chegando.

 

 

A versão MIUI 10 para desenvolvedores é compatível com mais de 33 dispositivos da Xiaomi, e o primeiro lote de smartphones vai receber essa ROM em junho, enquanto que o segundo lote será atualizado em julho.

 

 


Compartilhe