Microsoft: “é impossível instalar o Windows 11 em máquinas incompatíveis”. Será mesmo? | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia
Microsoft: “é impossível instalar o Windows 11 em máquinas incompatíveis”. Será mesmo? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Software | Microsoft: “é impossível instalar o Windows 11 em máquinas incompatíveis”. Será mesmo?

Microsoft: “é impossível instalar o Windows 11 em máquinas incompatíveis”. Será mesmo?

Compartilhe

A Microsoft garante: não existem truques para instalar o Windows 11 em computadores que não são compatíveis com o novo sistema operacional.

Será mesmo?

É sempre muito perigoso colocar garantias em algo que hackers, crackers e mentes mais avançadas normalmente vencem quando decidem se empenhar em superar obstáculos. Ainda mais quando quem diz “eu garanto” é a Microsoft, que não tem um histórico muito bom em confirmar suas garantias expressas em declarações.

Mas vamos tentar entender o lado da gigante de Redmond, e tentar projetar se realmente não tem como burlar as travas de proteção que a Microsoft colocou no Windows 11, impedindo a sua instalação em computadores não compatíveis.

 

 

 

Onde está a “garantia” da Microsoft?

 

 

Bom, antes de ir para esse tópico, vamos mencionar um tema muito importante que vem antes dele. Aliás, importante o suficiente para você começar a tomar a sua decisão em manter o seu atual computador ou vender o quanto antes já pensando no futuro.

A Microsoft confirma que: se o seu computador não é compatível com o Windows 11, não há o que fazer. A empresa pede desculpas para quem tem um equipamento relativamente novo (com Intel Core de sétima geração, por exemplo), mas seu equipamento não será atualizado com a próxima versão do seu sistema operacional.

Isso acontece porque o Windows 11 está focado em oferecer um sólido sistema de segurança diante do crescente momento de trabalho remoto ou em home office. Muita gente trabalhando de casa e utilizando seus computadores pessoais com dados sensíveis exigem medidas adicionais de segurança nos computadores.

Por isso, os requisitos de hardware são específicos para o Windows 11 pensando também na segurança dos dados. E se o software identificar que o hardware não pode administrar com eficiência essa segurança, ele simplesmente não vai instalar a nova versão.

 

 

 

Não é trabalho do usuário verificar se o seu PC é compatível

 

 

No entendimento da Microsoft, não é trabalho do usuário determinar se a atualização do Windows 11 está ou não disponível para o seu computador, mas sim do próprio sistema operacional. É ele quem vai confirmar se todos os requisitos técnicos serão atendidos para que a instalação do novo software aconteça sem problemas.

Isso até faz sentido no caso dos usuários mais leigos. Por outro lado, eu imagino a dor de cabeça e frustração que os mais avançados no mundo Windows vão sentir quando descobrirem que aquele ótimo computador de cinco anos atrás não é compatível com o Windows 11.

O que a Microsoft quer é que o software pense pelo usuário nesse caso, indicando antes se o hardware é ou não compatível com o Windows 11, sob a justificativa de, dessa forma, evitar que o novo sistema operacional seja baixado e salvo no equipamento de forma desnecessária.

 

 

 

No final das contas…

Pelo menos em teoria, a Microsoft fechou o cerco dos usuários, e não vai permitir que métodos alternativos sejam aplicados para a instalação do Windows 11. Pede desculpas pelo transtorno, mas manda um “é o que temos para hoje”. Ou seja, muita gente vai ter que comprar um computador novo a médio prazo.

A desculpa aqui é a segurança do usuário e seus dados (principalmente aqueles que envolvem as atividades profissionais), e mesmo que você não se sinta convencido que é uma desculpa válida, não pode negar que é pelo menos um argumento sustentável por parte da gigante de Redmond.

Porém, ainda estamos no campo da teoria. Historicamente, várias mentes muito criativas no mundo da informática conseguiram burlar uma série de restrições que antes eram consideradas “intransponíveis” por parte da Microsoft. E muitos truques ou segredos só são revelados após o lançamento da versão final do software.

Por isso, vale a pena esperar alguns meses para ver se os criativos vão apresentar soluções que podem de alguma forma beneficiar a aqueles que não pensam em comprar um computador novo tão cedo só por causa do Windows 11.

 

 

Via BGR


Compartilhe
TargetHD.net