Se a sua empresa de criptomoedas não te ajuda a mudar a sua senha, envie uma carta bomba para a empresa! Bom, o pessoal na Suécia não concorda muito com isso.

Um cidadão decidiu mandar uma carta bomba para uma empresa de criptomoedas porque não podia mudar sua senha. A empresa em questão é a Cryptopay, baseada em Londres.

Michael Salonen, 42 anos, foi acusado de tentativa de homicídio contra dois funcionários da empresa. Foi ele que enviou uma carta bomba que de nada poderia ajudar a mudar a sua senha do serviço.

Felizmente, a carta não explodiu no momento em que foi aberta. A única coisa que a carta fez foi revelar quem a enviou e as demais informações sobre o cliente.

Além de atentado a bomba, Salonen também é acusado de enviar sobras de um misterioso pó branco e ameaçar pelo menos 26 pessoas (21 delas altos funcionários suecos, incluindo o primeiro ministro do país).

Depois, descobriram que o pó não era perigoso, mas a substância não foi revelada.