O MakerPhone foi criado por um jovem de 18 anos chamado Albert Gajšak, que criou a empresa CircuitMess, dedicada a criar dispositivos focados na educação.

Este é um celular que vai chegar até a sua casa totalmente desmontado. Na caixa, vem todos os componentes eletrônicos separados, e a missão do comprador é juntar as peças para deixar o produto funcional.

O propósito do produto é que o usuário aprenda os conceitos básicos de eletrônica e programação. Ao montar o seu próprio smartphone, o objetivo é que tudo seja um processo educativo, interiorizando como funciona o dispositivo por dentro.

 

 

Poucas pessoas sabem como um smartphone funciona por dentro, e o projeto mostra isso. Mas você não será obrigado a adivinhar como montar o produto. O site do CircuitMess mostra o passo a passo da construção, até que o celular fique funcional.

Uma vez montado, o telefone pode enviar e receber chamadas, enviar mensagens e até rodar alguns apps e jogos. Seu preço sugerido é de US$ 89, e as primeiras unidades começam a ser enviadas para os compradores em março de 2019.

 

 

Apenas para reforçar o seu interesse por esse projeto…

Em 2017, a mesma CircuitMess desenvolveu um console chamado MakerBuino, que tem o mesmo conceito: montar o dispositivo do zero para aprender como ele funciona por dentro. Graças ao sucesso da campanha no Kickstarter, a empresa seguiu adiante no conceito com o MakerPhone.