O Google indica que os usuários do Android preferem o uso de botões na tela que os gestos implementados no sistema operacional. Em seu blog para desenvolvedores, a empresa explica que: “ao passar para um modelo de gestos para a navegação do sistema, podemos oferecer um espaço maior na tela para exibir conteúdos de informação, oferecendo assim uma experiência mais imersiva para os usuários”.

Porém, de acordo com o próprio Google, os usuários parecem não estar interessados nesse benefício, já que os botões são mais cômodos e menos complicados de usar. Para entender esse comportamento, a gigante de Mountain View iniciou uma investigação para entender os motivos que levavam as pessoas a optarem por essa proposta de interação com o sistema operacional.

 

 

Com os resultados obtidos na investigação, o Google começou a construir protótipos em seus diversos eixos, analisando parâmetros como a velocidade de uso, a conveniência, ergonomia, entre outros. Então, colocaram o design oficial à disposição dos usuários, que analisaram a adequação ao sistema e como eles se sentiam no uso diário.

Então, a empresa mostrou um “mapa de calor”, onde era possível ver as áreas do smartphone onde os usuários preferiam utilizar os gestos pela comodidade. E foi observado de forma claro que o movimento de “voltar”, que poderia ser feito a partir das laterais da tela era o item preferido dos usuários. Porém, o Google também identificou que o sistema de botões de tela no Android ainda é o favorito dos usuários.

 

 

O segredo é a ergonomia

 

 

De acordo com o Google, a preferência pelos botões de comando está na facilidade de uso em função da ergonomia do sistema. A qualificação final dos botões na avaliação foi de 5.78, contra 5.39 pontos obtidos pelos gestos no Android.

A empresa descobriu que muitas pessoas utilizam a função de voltar nos botões durante os primeiros dias de uso para se adequarem melhor ao sistema, para depois tentar o comando voltar através de gestos.

Porém, a grande maioria dos usuários preferem usar os botões na tela, o que fez o Google manter a proposta nas novas versões do Android. Alta usabilidade resulta no “por que mudar em time que está ganhando?”.