Esse post é pura especulação, mas eu entendo que vale a pena fazer o exercício matemático desde já, pois boa parte dos sucesso do LG G8 ThinQ tem como principal fator o preço que o produto vai chegar ao mercado.

É fato que a LG tenta se manter no segmento mobile, mas por anos o fator preço está afastando os usuários dos seus produtos. Modelos como o LG G7 ThinQ e o LG V40 custando mais de R$ 4.000 não entregam a melhor relação custo/benefício do mercado.

Pois bem, um usuário do Reddit publicou as primeiras informações sobre possíveis preços do LG G8, e os números não são dos mais animadores: 1.199 dólares canadenses, ou 900 euros, ou quase US$ 1.000 na conversão direta. Ou seja, a LG quer bater de frente com o Galaxy S10 e com o Huawei P30 Pro.

Se esse preço pode ser um problema para o modelo top de linha da Samsung, imagine para a LG.

Por outro lado, há quem diga que a marca ThinQ não será usada no LG G8, o que pode ser algo positivo, pois deixa a nomenclatura mais simples para o consumidor, que fica com um nome pequeno e mais simples para memorizar.

O LG G8 deve ser lançado com o LG V50 na MWC 2019 no final do mês de fevereiro, em Barcelona (Espanha). Tudo leva a crer que o design dos dois dispositivos será bem diferente, uma vez que é a primeira vez que eles chegariam ao mercado de forma simultânea. Mas isso, na teoria.

Se o preço do LG G8 bater na casa dos US$ 1.000, não dá para projetar um futuro muito promissor para o modelo e para a LG se manter competitiva. É o mesmo erro que a Sony ainda comete com os modelos da linha Xperia top de linha.

Sony e LG precisam entender, de uma vez por todas, que não são Apple, Samsung e Huawei para cobrar tudo isso por um smartphone top de linha.

 

Via Reddit