Compartilhe

O Lenovo Yoga Duet 7i é um tablet conversível com uma tela de 13 polegadas que recebe os novos processadores Intel de décima geração. Seu objetivo nesse mundo não é outro senão bater de frente com o Microsoft Surface.

O kit de venda conta com o tablet, a Folio Case (carcaça com teclado) e um lápis para interagir com a tela. Logo, vamos ver o que o Lenovo Yoga Duet 7i pode oferecer para você.

 

 

 

Tela WQHD e processador Intel de décima geração

 

 

O Lenovo Yoga Duet 7i tem peso de apenas 789 gramas, mas pode alcançar 1.16 kg se você adiciona a Folio Case. Ou seja, é um dispositivo bem leve para favorecer a mobilidade do usuário. Ele é o primeiro dispositivo da família Yoga a contar com um teclado Bluetooth 5.0 removível e retro iluminado e, dessa forma, você pode usar o dispositivo como um notebook tradicional.

Sobre a tela, temos uma IPS de 13 polegadas (WQHD, 2160 x 1350 pixels), com cobertura total do sRGB, é touch e tem brilho máximo de 450 nits. É uma tela compatível com o lápis ativo da Lenovo (que já está incluído no kit de venda) para notas ou tarefas de design.

 

 

Na borda da tela, encontramos a câmera de infravermelhos, que permite o início de sessão no Windows 10 com o reconhecimento facial, através do Windows Hello. Também conta com a tecnologia Glance da Mirametrix, que evita que terceiros possam ver o conteúdo da tela quando olham por cima dos ombros do usuário, além de deter a reprodução do vídeo quando nos afastamos da tela.

No processador, o Lenovo Yoga Duet 7i pode suportar até o Core i7-10510U de décima geração, trabalhando com até 16 GB de RAM DDR4 e até 1 TB de armazenamento PCIe SSD. Sua bateria tem uma autonomia de até 10.8 horas, e o recurso de inteligência artificial pode ampliar em 20% esse tempo de uso.

 

 

Na conectividade, o dispositivo possui três portas USB Type-C, leitor de cartões SD e conector para fones de ouvido de 3.5 mm, além de WiFi 6 (compatível com roteadores WiFi 5), Bluetooth 5 e LTE opcional.

O Lenovo Yoga Duet 7i chega ao mercado europeu em junho de 2020, e tem preço inicial sugerido de 1.199 euros. Seu preço aumenta em função das configurações de RAM e armazenamento interno, mas ao menos o kit de venda inclui o case com teclado e o lápis para a tela touch.

 

 

 

O que eu penso sobre?

 

 

 

Como um competidor direto do Microsoft Surface, o Lenovo Yoga Duet 7i até que está muito bem. Tem as mesmas bases de conceito de produto, apostando na produtividade plena para quem precisa de mobilidade e um menor peso na mochila.

Notebooks híbridos (ou tablets conversíveis, como queiram) sempre chamam a atenção pela versatilidade oferecida, e essa característica sempre pode ser útil para os usuários mais profissionais ou criativos. Só me questiono se segurar um tablet de 13 polegadas é algo minimamente cômodo no dia a dia. Para mim, 10.5 polegadas é o máximo que consigo aceitar dentro de uma proposta para uso diário.

Mas isso sou eu. Para você, pode valer muito a pena.

O tempo vai dizer se ele pode bater de frente com a proposta da Microsoft.

 

 

Via Lenovo


Compartilhe