Compartilhe

A Lenovo apresentou oficialmente na CES 2109 o seu novo notebook Lenovo Yoga C730, com tela AMOLED 4K de 15.7 polegadas. O modelo é mais um que segue a tendência de outros fabricantes do mercado de computadores portáteis, que gradativamente migram da tecnologia de tela LCD para o OLED.

O Lenovo Yoga C730 aposta na sua tela AMOLED 4K de 15.6 polegadas para oferecer uma tela de computador portátil que seja “impressionante” para os usuários que querem consumir conteúdos multimídia no notebook.

O notebook mantém a dobradiça com giro de 360 graus, o que transforma o produto em um autêntico conversível, oferecendo versatilidade para várias possibilidades de uso. Além de ser AMOLED, a tela desse notebook é sensível ao toque, funcionando com a Active Pen 2 (que está presente no kit de venda), que pode detectar 4.096 níveis de pressão.

No seu interior, o Lenovo Yoga C730 carrega processadores Intel Core de oitava geração (Whiskey Lake) das mais diferentes versões, até 16 GB de RAM e SSD PCIe de até 512 GB. No exterior, temos um notebook com construção em alumínio anodizado e um leitor de digitais para facilitar o login com o Windows 10.

Por fim, na parte de conectividade, o portátil conta com uma porta USB Type-C com Thunderbolt 3, duas portas USB 3.1, webcam com resolução HD e autonomia de bateria prometida para até 8 horas de uso (o tempo pode variar de acordo com o tipo de uso dado ao dispositivo).

 

 

O Lenovo Yoga C730 tem previsão de chegada ao mercado para o mês de março, e não há previsão de lançamento para o Brasil por enquanto. O seu preço também não foi revelado, mas alguns sites internacionais informam que o seu preço base pode ser de US$ 1.649, o que já dá uma boa ideia para aqueles que podem se interessar por esse notebook com tela AMOLED.

É um bom produto, mas muitos já começam a pensar na análise do efeito burn-in nos notebooks depois de alguns meses de utilização.


Compartilhe