Lenovo Miix 630

A Lenovo apresentou na CES 2018 o Lenovo Miix 630, o seu primeiro notebook na plataforma Windows 10 com ARM.

O modelo 2 em 1 com teclado destacável tem design similar aos Miix 510 e 520 com processador Intel. Agora, eles utilizam o chipset móvel Snapdragon 835 da Qualcomm e o modem Snapdragon x16, com suporte para banda larga móvel LTE-Advanced, que se encaixa no conceito “sempre conectado”, com autonomia de bateria de até 20 horas.

Do mais, o Lenovo Miix 630 é similar ao HP Envy x2. Conta com tela multitouch de 12,3 polegadas (Full HD), suporte para lápis ótico (incluso no kit) com 1024 níveis de pressão e proteção Gorilla Glass.

Seu teclado é retroiluminado, e o dispositivo conta com sistema de refrigeração sem ventiladores, além de câmera IR com suporte para o Windows Hello. Na configuração base, recebe 4 GB de RAM e 256 GB de SSD.

 

 

O Lenovo Miix 630 tem preço sugerido de US$ 800, e não tem data de lançamento anunciada. Não é barato, assim como outros modelos dentro dessa plataforma com o Windows 10 S.

Seu desempenho para executar os principais aplicativos x86 via emulação ainda está por se determinar. Tem vantagens apreciáveis na parte de conectividade e autonomia, mas há centenas de equipamentos no mercado com Windows 10 padrão, com baixo custo, com hardware Intel ou AMD e executando aplicativos nativos, sem qualquer emulação ou bloqueio.

Os modelos “sempre conectados” terão uma complicada missão de convencimento ao grande público pela frente. E com preços tão caros, essa missão fica cada vez mais complicada.

 

 

Via Lenovo