Compartilhe

A JBL apresentou na CES 2020 dois novos modelos de fones de ouvido sem fio que, como não poderia ser diferente, seguem os passos dos AirPods da Apple, com boas configurações e preço reduzido.

É claro que temos um novo segmento de mercado para os fabricantes de tecnologia capitalizarem, e todos os fabricantes estão apostando nele. E não seria a JBL que ficaria de fora. Por isso, vamos conhecer nesse post como são os seus novos fones True Wireless, tão em moda nos tempos atuais.

 

 

JBL TUNE 220TWS

Este modelo conta com tecnologia proprietária Pure Bass Sound, com design simples, fino e ergonômico. São fabricados com materiais de primeira qualidade, com acabamentos metálicos e revestimento com cores chamativas.

Sua autonomia é de 3 horas com uma carga, e seu estojo de recarga entrega 16 horas adicionais de bateria. Um possível inconveniente para alguns é a falta de características que encontramos nos modelos top de linha da JBL, como os assistentes virtuais incorporados. Mas por US$ 99, ele pode compensar pelo o que entrega.

 

 

JBL TUNE 330TWS

Ele recebe tecnologia Signature Sound e outros recursos para o controle de som, como o TalkThru e o Ambiente Aware. Contam com 6 horas de reprodução de música e outras 14 horas adicionais pelo estojo de carga, que conta com conector USB-C e uma hora de autonomia com apenas 10 minutos de carga.

Com design e ajuste ergonômico, ele conta com certificação IPX5 que entrega resistência ao suor e água, além de integrar os assistentes virtuais da Google e da Amazon. Seu preço sugerido é de US$ 149, e apesar de não contar com recursos avançados como o cancelamento de ruído ativo, ele tem uma boa aparência.

Se os dois novos fones da JBL apresentados na CES 2020 entregarem a mesma qualidade de som e durabilidade de outros modelos de fones oferecidos pelo fabricante, eles serão dignos competidores em um mercado de fones True Wireless onde todos querem participar. E esse trem da alegria superlotado de fabricantes o segmento se explica com facilidade quando olhamos para o volume de vendas e lucros que a Apple obtém com os seus AirPods.

Não há previsão de lançamento para esses produtos no Brasil, pelo menos por enquanto.


Compartilhe