Jamais faça isso com o seu smartphone novo

Compartilhe

Muitas pessoas compraram um smartphone novo no final de 2020, apesar do ano que nós tivemos.

Seja pela necessidade em adquirir um telefone novo para trabalhar ou como válvula de escape para tudo o que nós vivemos, o investimento no novo telefone é algo legítimo. E o meu papel é ajudar algumas pessoas a aproveitar melhor esse dispositivo.

O conteúdo desse post é mais pensado naquelas pessoas que acabaram de comprar o seu primeiro smartphone, e não sabe direito o que fazer com ele.

E tão importante quanto saber o que fazer é saber o que você JAMAIS DEVE FAZER com um smartphone.

 

 

 

Não usar o carregador original

 

 

Se o fabricante do seu smartphone ainda oferece o carregador original no kit de venda do produto, sempre utilize esse carregador.

Se você for obrigado a comprar um carregador em separado (porque optou em comprar um iPhone 12 ou um Xiaomi Mi 11), sempre compre um carregador original do fabricante.

Além do melhor desempenho de recarga, você evita incompatibilidades que podem resultar em problemas dos mais diversos, como uma recarga mais lenta e, em cenários mais críticos, os danos permanentes ao dispositivo.

 

 

 

Não usar um case protetor

 

 

Por mais bonito que seja o seu novo smartphone (e que você queira que todo mundo veja isso), ele pode contar com materiais bem frágeis. Como o cristal, por exemplo.

Quem teve a “genial” ideia de desenvolver smartphones com acabamento de cristal se esqueceu que esse material pode quebrar ou riscar com enorme facilidade na primeira queda.

E até mesmo se você possui um smartphone com acabamento de metal e plástico deve considerar o uso de um case protetor, para manter a integridade física do seu telefone por um tempo muito maior.

 

 

 

Não explorar o seu smartphone ao máximo

 

 

Você paga caro por um smartphone apenas para publicar fotos de gatinhos no Facebook ou Instagram e mandar mensagens de bom dia nos grupos do WhatsApp?

Você está errando feio! Está errando rude!

Procure conhecer o que o seu novo smartphone é capaz de fazer, e explore ao máximo todas as possibilidades que ele pode oferecer.

Você vai descobrir que o dispositivo é capaz de fazer muito mais do que você imagina, e pode obter uma experiência de uso muito mais completa com ele.

 

 

 

Não ficar atento ao tempo de garantia

 

No Brasil, como regra, os smartphones contam com 12 meses de garantia de fábrica. Você pode optar por estender esse tempo de garantia na loja onde você faz a compra, mas isso fica por sua conta.

E qualquer produto pode dar problemas antes do término da garantia. Todo mundo sabe disso.

Logo, fique atento a esse prazo. Ele pode ser determinante para evitar um prejuízo maior em precisar reparar o seu telefone antes do tempo.


Compartilhe