A Anatel já homologou o iPhone XS Max para comercialização no mercado brasileiro. O modelo certificado por aqui é o A2101, a mesma vendida na Europa e com suporte para todas as redes 4G nacionais.

O Pinguins Móveis encontraram a documentação de homologação. O iPhone XS ainda não foi localizado no sistema da Anatel, mas deve receber a mesma certificação em breve, muito provavelmente no modelo A2097, também vendido na Europa.

Os dois modelos suportam as bandas utilizadas pelas operadoras brasileiras no 4G. As versões disponíveis nos Estados Unidos (A1920 e A1921 para os modelos iPhone XS e iPhone XS Max, respectivamente) podem causar problemas em cidades onde só contam com a banda 28, além de uma cobertura inferior no 4G de 700 MHz.

Há quem diga que a Apple pode substituir as unidades dos novos iPhones de consumidores que adquiriram o celular nos Estados Unidos por versões brasileiras. Porém, a assistência técnica só seria feita em caso de assistência técnica, com a troca apenas em caso de defeito do produto.

A estratégia pode ser também uma forma indireta da Apple em forçar o consumidor brasileiro a adquirir os novos iPhones no Brasil, com um objetivo bem claro: aumentar a margem de lucro da empresa.

Ao constatar que os novos iPhone XS e iPhone XS Max não operam de forma plena com as redes brasileiras, a única alternativa do consumidor que realmente quer usar de forma plena os novos iPhones no Brasil é adquirindo o dispositivo por aqui.

Ainda mais com o dólar valendo mais de R$ 4… é quase uma questão de racionalidade na hora da compra.