Compartilhe

2020 ainda não chegou, mas os vazamentos dos primeiros dispositivos que chegarão ao mercado no próximo ano continuam a acontecer. Dessa vez, estamos diante de renders de alta qualidade para o futuro iPad Pro (2020).

Seriam dois modelos, com telas de 11 e 12.9 polegadas, para atender a todos os públicos. Apesar das imagens aparentemente reais, será a Apple que vai dar autenticidade às mesmas quando apresentar os produtos de forma oficial. E o vazamento oferece algumas especificações associadas.

 

 

Dois modelos do iPad Pro e um trio de câmeras em 2020

Não é surpresa ver mais de um iPad Pro para a próxima temporada, e com os renders revelando os modelos com telas de 11 e 12.9 polegadas de tela, chegaram algumas características técnicas dos produtos.

A mais chamativa é a presença de câmeras traseiras triplas para os dois modelos, com um design quase idêntico ao dos sensores triplos presentes no iPhone 11 Pro e iPhone 11 Pro Max. Ou seja, é de se supor que teremos um sensor principal, um segundo sensor para super grande angular e o terceiro sensor para zoom ótico e modo retrato com desfoque seletivo.

As resoluções dos sensores não foram reveladas, mas ao menos sabemos que os futuros iPad Pro (2020) devem receber uma variante mais avançada do processador Apple A13, no caso o Apple A13X, mantendo a tradição da variante X para os tablets da empresa.

O iPad Pro (2020) de 11 polegadas contaria com 248 mm de altura, 178.6 mm de largura e 5.9 mm de espessura (7.8 mm na área da câmera tripla). As medidas do modelo de 12.9 polegadas não foram reveladas, por enquanto.

De acordo com as imagens, os modelos devem contar com uma traseira em cristal, imitando assim o iPhone 11 Pro, onde o cristal reveste a parte de metal dos tablets. Logo, nenhum dos modelos deve contar com recarga de bateria sem fio.

Em breve vamos descobrir se as imagens são verídicas. Tudo indica que a Apple vai apresentar (ou não) os novos iPad Pro em março de 2020, mas nada foi confirmado. Até lá, vamos esperar por novos vazamentos, ou que a Apple se pronuncie de forma oficial sobre o assunto.

 

Via iGeeksblog


Compartilhe