iPad Pro 2018 é o novo recordista absoluto do AnTuTu. O dispositivo recebe o potente chipset A12X, e é o primeiro device iOS a conquistar mais de 500 mil pontos na análise da plataforma.

Para você ter uma ideia, o seu concorrente mais proximo no Android é o Huawei Mate 20 Pro, que abriga o processador Kirin 980 de 7 nm, e registrou aproximadamente 300 mil no mesmo AnTuTu.

De fato, os sete núcleos do chipset da Apple são muito bem vindos para jogos, edição de imagem e vídeo e outras tarefas que precisam de poder gráfico. E é um chip mais potente sem comprometer o consumo de energia.

Outro ponto interessante é que o desempenho do iPad Pro 2018 não é influenciado pela quantidade de memória instalada. Não há grandes diferenças no desempenho entre o modelo com 1 TB de armazenamento com 6 GB de RAM e os demais que contam com 4 GB de RAM.

 

 

O chipset A12X Bionic tem mais de 10 bilhões de transistores e um processador de oito núcleos, com quatro núcleos de alto desempenho e quatro núcleos de alta eficiência. É um chip que oferece o dobro do desempenho gráfico que os modelos da geração anterior, entregando um dispositivo 92% mais rápido que todos os notebooks vendidos em 2017.

Com um preço inicial sugerido de US$ 799 (11 polegadas, 64 GB de armazenamento), o iPad Pro 2018 só pode ser encarado como um investimento para os mais produtivos e criativos. E, mesmo assim, alguns ainda vão afirmar que o tablet não oferece a mesma versatilidade de um PC ou Mac, por não contar com um sistema operacional ‘de verdade’ (ou de desktop) no dispositivo.

De qualquer forma, isso se tornou um aspecto secundário. O que realmente importa é se o dispositivo faz exatamente aquilo que você precisa. Se hoje o iPad atende todas as suas necessidades, é mais que evidente que você vai querer um iPad Pro 2018 para chamar de seu.